Páginas

Pesquisar este blog


28/07/21

 

De volta no Globoplay, a minissérie ‘Hilda Furacão’ merece ser revista e descoberta pelas novas gerações

Por: Zean Bravo 
Ana Paula Arósio em cena de ‘Hilda Furacão’
Ana Paula Arósio em cena de ‘Hilda Furacão’ Foto: Rede Globo/Divulgação
Foto: Rede Globo/Divulgação

Uma leitora assídua da coluna me contou no Twitter que tinha apenas 5 anos quando “Hilda Furacão” foi ao ar. Mas que a música “Resposta ao tempo”, de Nana Caymmi, trilha da abertura da minissérie, faz parte da sua memória afetiva justamente por conta da trama da Globo. Exibida originalmente há 28 anos, “Hilda Furacão” fez um enorme sucesso à época. Escrita por Gloria Perez, a produção, com direção-geral assinada por Wolf Maya, merece ser revista e descoberta agora pelas novas gerações.

São inúmeras as razões para conferir a história. Hoje reclusa, Ana Paula Arósio era uma atriz ainda com pouca experiência quando fez sua estreia na Globo e emprestou sua força, talento e beleza à personagem principal. Adaptada do romance homônimo de Roberto Drummond, a trama acompanhava a trajetória da misteriosa Hilda Gualtieri Müller, jovem da sociedade mineira que desistia do casamento no dia da cerimônia para se tornar prostituta e viver numa zona boêmia de Belo Horizonte, entre os anos 1950 e 1960. Ao longo da história, Hilda se torna uma das mais disputadas prostitutas da cidade. E acaba despertando o interesse no noviço Maltus, jovem interpretado por Rodrigo Santoro, que lutava para resistir ao desejo que sentia por ela. O ator já era um nome conhecido das novelas, mas alcançou um outro patamar na profissão após esse trabalho.

Com 32 capítulos, a minissérie foi marcada por grandes interpretações como a de Matheus Nachtergaele e de Rosi Campos. Em seu segundo trabalho na Globo, o ator interpretou Cintura Fina, travesti que tinha em Maria Tromba-Homem, personagem de Rosi, sua maior rival. Paloma Duarte também se destacou como a romântica prostituta Leonor.

Gravada entre Belo Horizonte e Tiradentes (MG), a produção chama atenção pelas bonitas locações, pelo figurino de encher os olhos (assinado por Yurika Yamazaki), e pelas memoráveis atuações de um grande e talentoso elenco.

Ana Paula Arósio em cena da novela 'Éramos seis'
Ana Paula Arósio em cena da novela 'Éramos seis' Foto: Reprodução
Ana Paula Arósio estreou nas novelas do SBT /foto/reprodução

Hoje com 46 anos, Ana Paula Arósio abandonou uma carreira de muito sucesso em 2010. Modelo desde os 12 anos, ela estreou como atriz aos 18 no longa-metragem “Forever”, do diretor Walter Hugo Khouri. Em 1994, atuou em sua primeira novela, “Éramos seis”, do SBT. Ela fez uma participação em seis capítulos como Amanda (foto ao lado). Ainda na emissora de Silvio Santos, Ana Paula fez as novelas “Razão de viver” (1996) e “Os ossos do Barão” (1997), e esteve em alguns episódios do especial “Teleteatro”, em 1998.

Siga-me no Twitter @zeanbravo e no Instagram @zean.bravo

fonte:https://extra.globo.com/

 

Dadá Coelho se diverte ao ver o marido Paulo Betti em ‘Império’ pela primeira vez: ‘Ele imita o Téo Pereira do nada para mim’

Por: Zean Bravo
Dadá Coelho
Dadá Coelho Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Dadá Coelho afirma que “é um prazer indescritível” fazer parte do quinteto do “A culpa é da Carlota”, programa que estreia nova temporada nesta segunda-feira, 26, às 22h, no Comedy Central. “É um orgulho gigante ter um programa de humor só com mulheres. Eu me sinto prestando um serviço ao mostrar que a gente pode, sim, ser protagonista de nossas histórias”, conta a atriz e humorista, casada com Paulo Betti, que atualmente está no ar nas reprises das novelas “A vida da gente” e “Império”. “Comecei a namorar o Paulo logo que acabou ‘Império’ e eu não tinha visto. Fiquei meio assustada quando a gente começou ver a reprise, mas passo mal de rir. Ele imita o Téo Pereira do nada para mim. É muito louco e divertido vê-lo às 18h de um jeito e mais tarde como esse gay histérico”.

Siga-me no Twitter @zeanbravo e no Instagram @zean.bravo

fonte:https://extra.globo.com/

 

Instagram muda regras para menores de 16 anos, que terão contas privadas por padrão

Instagram: plataforma trabalha para limitar contato entre jovens e adolescentes com perfis adultos e desconhecidos
Instagram: plataforma trabalha para limitar contato entre jovens e adolescentes com perfis adultos e desconhecidos Foto: Dado Ruvic / Reuters
Carolina Nalin /Foto: Dado Ruvic / Reuters

Instagram, do grupo Facebook Inc., anunciou que vai restringir o acesso a contas de usuários menores de 16 anos. A plataforma determinou que contas de usuários entre 13 e 15 anos tenham seus perfis configurados como privados automaticamente, o que significa que somente pessoas autorizadas pela conta poderão ver o conteúdo do titular.

Segundo a empresa, o objetivo é evitar que crianças e adolescentes recebam mensagens indesejadas no Direct ou comentários de pessoas que não conhecem.

A atualização passa a valer nesta semana para os Estados Unidos, Austrália, França, Reino Unido e Japão, mas será expandida para mais países em breve. Na prática, todos os usuários menores de 16 terão suas contas privadas ao entrar no Instagram.

Segundo a plataforma, os jovens que desejarem poderão alterar a configuração da conta para torná-la pública. Mas, quando feito, o aplicativo enviará uma notificação destacando os benefícios da conta privada e explicando como alterar as configurações de privacidade.

A empresa reconheceu que muitos jovens e adolescentes são criadores de conteúdo na plataforma, o que pode fazer com que eles tomem a decisão de tornar seu perfil visível a qualquer usuário.

"Acreditamos que manter a conta privada é a escolha certa para os mais jovens, mas também reconhecemos que alguns jovens criadores querem optar por manter suas contas públicas para construir uma audiência e desenvolver sua base de seguidores", disse a empresa.

Machine learning verificará idade real do usuário

O Instagram também anunciou que está tomando medidas para identificar a idade real das pessoas em seu aplicativo. A partir do uso de machinelearning (aprendizado de máquina), será possível reconhecer quando a interação de um adulto com um adolescente é inapropriada.

Em blog do Facebook, Pavni Diwanji, vice-presidente de produtos para jovens, explicou como a companhia pretende usar essa tecnologia para estimar a idade das pessoas.

Segundo o executivo, informações dos próprios usuários desejando feliz aniversário com a idade escrita nas mensagens, por exemplo, podem ser utilizadas para verificação da idade. A tecnologia também analisa a idade estabelecida pela conta no Facebook e a aplica aos outros aplicativos com os quais o usuário vinculou suas contas.

Uma ferramenta semelhante também será usada para localizar e remover contas pertencentes a pessoas com menos de 13 anos, o que viola as regras da plataforma.

"Essa tecnologia não é perfeita e estamos sempre trabalhando para melhorá-la, mas é por isso que é importante usá-la junto com muitos outros sinais para entender a idade das pessoas", disse Diwanji.

Restrição de anúncios aos menores de 18 anos

A empresa também anunciou mudanças nas possibilidades de segmentação de anúncios aos menores de 18 anos.

Dentro de algumas semanas, os anunciantes não poderão mais utilizar informações baseadas em interesses ou em atividades em outros aplicativos e sites. Só serão permitidos que os anunciantes segmentem anúncios para este público com base na idade, gênero e localização.

Segundo a empresa, essas mudanças serão globais e se aplicarão tanto ao Instagram quanto ao Facebook e Messenger.

"Ouvimos de especialistas que os jovens podem não estar preparados para tomar essas decisões (de não ver anúncios com base em seus interesses ou em suas atividades). Concordamos com eles, e é por isso que estamos adotando uma abordagem mais cautelosa em como os anunciantes podem alcançar os jovens com os anúncios", disse a empresa.

fonte:https://extra.globo.com/

Cunha marca, Richarlison faz dois e Brasil termina em primeiro lugar com vitória sobre a Arábia Saudita: 3 a 1

Pode ser uma imagem de 3 pessoas, pessoas praticando esportes e grama

Foto: AYAKA NAITO / AFP
Seleção brasileira supera dificuldades contra os sauditas e marca duas vezes nos últimos 15 minutos para avançar de fase. No sábado, faz quartas de final contra segundo lugar do grupo C, novamente em Saitama
Na maior parte do tempo, não foi uma grande atuação da seleção brasileira, mas a vitória e o primeiro lugar vieram com os 3 a 1 do Brasil sobre a Arábia Saudita - gols de Matheus Cunha e Alamri, no primeiro tempo, e dois de Richarlison, nos últimos 15 minutos da segunda etapa.
O Brasil volta a campo no sábado, às 7h, novamente em Saitama, palco da vitória desta quarta-feira, contra os sauditas.

Mega-Sena pode pagar R$ 12 milhões nesta quarta

Nenhuma descrição de foto disponível.

G1

Foto: Marcelo Brandt/G1

O concurso 2.394 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 12 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h desta quarta (27) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

 

Praças de pedágio começam a funcionar nesta quarta-feira na região

Cobrança na Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425) e na Rodovia Homero Severo Lins (SP-284) teve início hoje.


​​Praças de pedágio começam a funcionar nesta quarta-feira na região - Divulgação

Foi publicado no Diário Oficial do Estado , a autorização para o início de operação de mais duas praças de pedágio no oeste paulista. A primeira fica em Indiana (SP), no quilômetro 436 da rodovia Assis Chateaubriand (SP-425). Já a segunda será em Rancharia (SP), na rodovia Homero Severo Lins (SP-284), no quilômetro 531.

​​A cobrança começa hoje, quarta-feira (28). Os valores cobrados estão sendo informados por meio de placas informativas nas pistas.

Na região de Presidente Prudente, existem também duas praças de pedágios na área de concessão sob a responsabilidade da Eixo-SP, mas estas ainda não têm previsão de quando entrarão em operação, sendo as duas na Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Pacaembu (SP) e em Santa Mercedes (SP).

fonte:https://sbtinterior.com/


 

Visitante de penitenciária da região usa pães de forma para esconder tiras de papel semelhantes a K4

 

Com 60% da população vacinada, mortes e casos de covid-19 caem 40%

Com a vacinação de mais de 96 milhões de brasileiros contra a covid-19 com, pelo menos, a primeira dose do imunizante, o número de casos e de óbitos pela doença caíram cerca de 40%, em um mês, de acordo com dados do LocalizaSUS, plataforma do Ministério da Saúde.

Os números consideram a média móvel de casos e mortes de 25 de junho a 25 de julho deste ano. No caso das mortes, a queda é de 42%: passou de uma média móvel de 1,92 mil para 1,17 mil, no período. O número de casos caiu para 42,77 mil na média móvel de domingo (25), o que representa redução de 40% em relação ao dia 25 de junho, segundo o Ministério da Saúde.

Vacinas
O Brasil ultrapassou a marca de 60% da população vacinada com, pelo menos, uma dose de vacina contra a covid-19. Nessa situação já são mais de 96,3 milhões de brasileiros, dos 160 milhões com mais de 18 anos. Apesar da boa marca de primeira dose, segundo dados do vacinômetro do Ministério da Saúde, o número de pessoas com ciclo de imunização completo, ou seja, que tomaram duas doses da vacina ou a dose única é de 37,9 milhões de pessoas. Para que as vacinas sejam de fato eficazes, as autoridades de saúde alertam que é necessário que as pessoas tomem as duas doses. "A medida reforça o sistema imunológico e reduz as chances de infecção grave, gravíssima e, principalmente, óbitos em decorrência da covid-19", destaca o Ministério.

Ainda segundo balanço da pasta, das 164,4 milhões de doses enviadas para os estados, 81,5 milhões são da AstraZeneca/Oxford, 60,4 milhões são da CoronaVac/Sinovac, 17,8 milhões de Pfizer/BioNTech e 4,7 milhões da Janssen, imunizante de dose única. “Todas as vacinas estão devidamente testadas, são seguras e têm autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para serem aplicadas nos braços dos brasileiros”, destacou o Ministério.

Novas doses
Até o fim de 2021, a expectativa é de que mais de 600 milhões de doses de imunizantes contra o novo coronavírus, contratadas por meio de acordos com diferentes laboratórios, sejam entregues ao Programa Nacional de Imunizações. Somente para o mês de agosto, a previsão é de que a pasta receba, pelo menos, 63 milhões de doses.

Produção local
A partir de outubro, o Brasil deve entrar em uma nova fase em relação à vacinas contra a covid-19 com a entrega das primeiras doses 100% nacionais. É que o Brasil assinou um acordo de transferência de tecnologia da AstraZeneca para a Fundação Oswaldo Cruz (FioCruz) que permitirá a produção nacional do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) da vacina de covid-19. Atualmente, o Brasil só produz vacina com o IFA importado.

As informações são da Agência Brasil.

 

Quadrilha suspeita de furtar celulares em shopping é presa em Araçatuba

PMs recuperaram 51 aparelhos e outros itens de telefonia

Quadrilha suspeita de furtar celulares em shopping é presa em Araçatuba - Divulgação

A Polícia Militar prendeu no final da noite de segunda-feira (26), N.B.S, 24 anos, R.N.B.F, 24 anos, B.E.R.V, 22 anos e apreendeu o menor N.M.S de 16 anos, por furto qualificado a uma loja da Claro no Shopping Praça Nova, em Araçatuba.

De acordo com informações da Polícia Militar, eles foram acionados para ocorrência de indivíduos em atitude suspeita pelo centro de compras. A equipe se deparou com o adolescente saindo da loja com uma mochila nas costas e, no interior da mochila haviam vários aparelhos celulares furtados da loja Claro.

Ao entrar no estabelecimento os PMs perceberam que os indivíduos haviam saído pelo forro da loja. Os policiais com agilidade conseguiram abordar os acusados na saída do shopping. Os três homens presos estavam em um veículo, com características de ser dublê. 

Os PMs recuperaram 51 aparelhos celulares, sendo 11 iPhone; 08 Motorola; 32 Samsung, entre outros itens de telefonia como fones e carregadores, totalizando aproximadamente R$ 157 mil reais.

Os indivíduos foram conduzidos ao Plantão da Polícia Civil de Araçatuba, onde os maiores permaneceram presos por furto qualificado e formação de quadrilha e o menor apreendido por ato infracional.

fonte:https://sbtinterior.com/

Nova onda de frio ameaça campo e pode elevar preço de café, frutas e hortaliças

 RIO DE JANEIRO, RJ, E CURITIBA, PR (FOLHAPRESS) - A previsão de uma nova onda de frio intenso nesta semana ameaça tanto plantações quanto o bolso de consumidores no país. É que a temperatura em queda livre, acompanhada de geada, pode causar estragos no campo e, assim, tende a pressionar preços de produtos cultivados em parte do Sul e do Sudeste.

Café, hortaliças e frutas integram a lista de mercadorias que podem ficar mais caras em caso de novos prejuízos nas plantações.

A Metsul Meteorologia informou nesta segunda (26) que o ar polar começa a ingressar no Rio Grande do Sul nesta terça (27) e deve atingir o Centro-Oeste e o Sudeste nesta quarta (28). Conforme a previsão, a bolha de ar gelado será responsável por "acentuado resfriamento em diversos estados".

"O fenômeno aumenta exponencialmente o desafio dos produtores rurais em manter o nível de produtividade no campo e o planejamento de negociação dos alimentos. Culturas como café, milho, cana-de-açúcar, trigo, banana e mandioca podem ser as mais prejudicadas com a chegada dessa frente fria", aponta nota divulgada nesta segunda-feira pela Faesp (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo).

O pesquisador Felippe Serigati, do centro de estudos FGV Agro, também ressalta que as temperaturas em queda trazem preocupação para o campo. Caso haja perda em lavouras, o impacto certamente chegará aos consumidores, diz o especialista.

"Esse efeito nos preços não chega às prateleiras dos supermercados imediatamente, mas chega. O impacto tende a ser mais rápido naqueles produtos de ciclo mais curto, como hortifrúti."

Serigati lembra que plantações de café já foram prejudicadas por geadas neste mês em Minas Gerais. Em meio aos prejuízos, as cotações do produto passaram a subir no mercado internacional. O Brasil é o maior produtor mundial de café.

Os contratos futuros do grão arábica avançaram quase 10% nesta segunda, depois de uma alta de quase 20% na semana passada. Com a previsão da nova onda de frio, agricultores mineiros continuam em alerta.

"O cenário é preocupante. Já houve uma geada no dia 20, que atingiu municípios produtores de café em Minas e São Paulo. O alerta segue ligado", diz Ana Carolina Alves Gomes, analista de Agronegócios do Sistema Faemg (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais).

A entidade ainda contabiliza os estragos da onda anterior de frio. Segundo a Faemg, também houve registros de perdas em outras lavouras mineiras, incluindo cana, citrus, grãos, pastagem para pecuária, frutas e hortaliças.

Conforme a Metsul, Rio Grande do Sul e Santa Catarina podem enfrentar de seis a sete dias seguidos com mínimas abaixo de 0ºC a partir desta semana. Além da geada, há possibilidade de neve em áreas de maior altitude do Sul.

A Epagri (Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina), vinculada ao governo catarinense, é uma das instituições que alertam para o risco de prejuízos no campo.

O coordenador de fruticultura da Epagri, Sergio Neres da Veiga, diz que a ocorrência de geada pode causar danos a plantações de frutas que estão em fase mais avançada de brotação, como o pêssego, em Santa Catarina.

"Muitas plantas já estão florescendo. Então, o frio e a geada podem prejudicar", diz.

Veiga ressalta que o cultivo de hortaliças também pode ser abalado pelas temperaturas em queda. "[A situação] pode impactar os preços, inclusive a curto prazo. Alface e repolho, por exemplo, podem ser queimados pela geada. Isso diminuiria a oferta por uns 15, 20 dias", ressalta.

No Paraná, as lavouras de milho, já impactadas pelas geadas do último mês, podem sofrer mais com a nova frente fria, reduzindo a expectativa de colheita em até metade no estado. Como o plantio da cultura já ocorreu com atraso diante da falta de chuva e do retardamento na produção anterior, de soja, o prejuízo deve pesar no bolso do produtor.

"Os preços otimistas do milho fizeram com que o produtor arriscasse, aumentando as áreas de plantio em 7% no estado, mas parte não conseguiu cobertura de seguro, já que estava fora do calendário. E, agora, além da escassez hídrica e de pragas, temos a geada para atravessar", aponta Salatiel Turra, chefe do Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria de Agricultura e do Abastecimento do Paraná.

Assim, a estimativa de colheita de 14 milhões de toneladas do grão deve ser reduzida para até 7 milhões. O impacto na safra também deve chegar ao consumidor, já que o milho paranaense é destinado principalmente para consumo interno e alimento para animais.

"Houve uma crescente na produção de proteína animal, ninguém esperava o plantio atrasado e essa geada. Então, o preço deve ser puxado para cima e, consequentemente, na prateleira, o consumidor é quem paga", afirma o produtor Diogo Sezar de Mattia, de São Miguel do Iguaçu, extremo oeste do Paraná. A região é uma das mais impactadas pelas perdas.

O trigo paranaense também tem sofrido com o impacto do clima, segundo Turra, já que, na semana passada, cerca de 9% das plantações ainda estavam em fase de floração, mais suscetíveis a danos com geadas. Ele aponta que o número deve ter crescido nos últimos dias. O impacto pode ser ainda maior sobre essa cultura.

O Rio Grande do Sul não deve ter prejuízo com o milho porque essa colheita já está praticamente finalizada, já que no estado os agricultores conseguiram plantar a cultura na época correta. A preocupação ocorre sobre parte das lavouras de trigo, caso sejam expostas à geada forte a partir de agosto ou setembro. É que, em julho, essa cultura ainda está em fase vegetativa no estado, o que reduz riscos de danos.

"O frio não é um problema agora", pontua Alencar Rugeri, diretor técnico da Emater-RS, que acompanha a agricultura gaúcha.

Em Santa Catarina, acostumados com o frio intenso nesta época, produtores também investem nas culturas de inverno, principalmente de cereais. Mesmo assim, como aponta Alexandre Alvadi Di Domenico, presidente da Aprosoja-SC (Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Santa Catarina), as perdas não estão descartadas.

"Com certeza vai ter algum estrago, principalmente sobre trigo, cevada e aveia, mas nada comparado ao Paraná."

No Centro-Oeste, a Aprosoja-MS diz que as previsões de nova onda de frio não preocupam produtores, porque lavouras de milho já foram impactadas com geadas entre os dias 28 de junho e 1º de julho. A entidade afirma que a produção também foi abalada pela seca.

A estiagem no Brasil já reduziu as perspectivas para várias safras, incluindo café, açúcar e milho segunda safra. A corretora de commodities Marex Spectrum disse nesta segunda-feira que algumas fazendas de cana-de-açúcar no país tiveram até 35% das lavouras danificadas por geadas, embora o impacto geral tenha sido menor. As estimativas para a produção de açúcar do Brasil provavelmente cairão, acrescentou a análise.

LEONARDO VIECELI E KATNA BARAN

27/07/21

BB prorroga inscrição de concurso

Pessoas com deficiência ganharam mais um prazo para se inscreverem. Para os demais, o prazo encerra na próxima quarta-feira.

Eletro Força Ferramentas


 

 AOS 101 ANOS

Morre o ator Orlando Drummond, o 'Seu Peru' da 'Escolinha do Professor Raimundo'
Pode ser uma imagem de 1 pessoa
Ana Branco
Por Ancelmo Gois
O ator, humorista e dublador Orlando Drummond, que ficou famoso pelo personagem "Seu Peru", da "Escolinha do Professor Raimundo", acaba de falecer. Ele tinha 101 anos e deixa dois filhos, cinco neto e três bisnetos.
Em maio, o querido artista foi internado para tratar uma infecção urinária. Ele passou dois meses no hospital Quinta D’Or, na Zona Norte do Rio de Janeiro.
Drummond também marcou época como dublador. O carioca de Vila Isabel entrou para o Entrou para o Guinness Book, o livro do recordes, por dublar o personagem Scooby Doo por mais de 35 anos.
Seu personagem mais importante, como todos sabem, foi o "Seu Peru", da "Escolinha", desde a primeira fase do programa, no ar em 1990.
Em 2019, em virtude dos 100 anos de Drummond, a "Escolinha" fez episódio especial para homenageá-lo, quando foi ovacionado pelos humoristas da nova fase do programa.

No Lojão do Amigo Bonfim TEM!!!

 


Pode ser uma imagem de comida e texto

Depósito Presidente