Páginas

Pesquisar este blog


19/09/21

 

Aulas presenciais da rede municipal serão retomadas de 2ª a 6ª em Presidente Venceslau

 

'Estou morrendo de sede', diz brasileira, que morreu no Novo México, EUA, em últimos áudios enviados à família

Lenilda Oliveira, de 49 anos, morreu ao tentar entrar nos EUA
Lenilda Oliveira, de 49 anos, morreu ao tentar entrar nos EUA Foto: Reprodução
Raphaela Ramos e Arthur Leal
Foto: Reprodução

RIO — Áudios enviados à família e a amigos pela técnica de enfermagem Lenilda Oliveira dos Santos, de 49 anos, durante a travessia do México para os Estados Unidos, mostram que, apesar do cansaço, da sede e da frustração por ter sucumbido às próprias limitações físicas nos quilômetros finais, ela mostrava confiança de que os companheiros de grupo, que a deixaram para trás, voltariam para socorrê-la de alguma forma. Nas gravações, obtidas com exclusividade pelo GLOBO, é possível notar que, enquanto espera socorro, Lenilda oscila momentos em que parece mais confiante e outros em que a voz, mais fraca, entrega que ela já estava à beira da exaustão. Ela foi encontrada morta esta semana pela polícia ao sul da cidade de Deming, no Novo México (EUA).

“Eu dormi aqui, não aguentei. Estou sozinha, mas eles estão vindo me buscar, pode ficar de boa”, informou ao irmão no último áudio que enviou por celular para ele, no dia 7 deste mês, um dia depois de ter sido abandonada.

Em outros momentos, para tranquilizar a família, ela ressaltava que faltava pouco para realizar seu sonho de chegar a solo americano. “Eu já estou chegando, já, faltando pouquinho para chegar e eu não aguentei (…) Mas estou bem, eles estão vindo me buscar".

Em uma gravação, o tom de Lenilda parece mudar, o que sugere que ela foi gradativamene perdendo a certeza de que o grupo voltaria para buscá-la. Ela fazia a travessia com outras três pessoas e um guia, conhecido como "coiote" entre ilegais que tentam atravessar a fronteira.

“Eu esperei até 11 horas, mas ninguém veio. Eu peguei e saí do lugar”, avisa. Desesperada e já mostrando estar desidratada, a técnica de enfermagem pede aos companheiros de grupo que levem água:

“Eu estou escondida. Manda ela trazer uma água para mim, porque não estou aguentando de sede”.

Lenilda ainda insiste em tentar detalhar sua localização, mas também sem sucesso:

“Deixa eu te falar, eu vim direto, atravessei a cerca e vim direto. Não tem erro. Eu estava debaixo daquela rede de internet, de energia; atravessei a cerca e vim direto, reto”.

Em uma gravação, com voz desfalecida, Lenilda dá sinais de que esta muito cansada:

“Andei um pouquinho para trás, ele mandou eu parar”. Nesse momento, a família acredita que ela quis dizer que não voltou no percurso em busca de algum lugar teoricamente mais seguro justamente porque o coiote que liderava o grupo teria dito a ela que ficasse ali, parada, e o esperasse. O grupo não retornou para resgatá-la.

fonte:https://extra.globo.com/

 

Diogo Nogueira rasga elogios para Paolla Oliveira em entrevista: 'Me sinto abençoado'

Cantor 'invadiu' a participação da atriz no 'Conversa com Bial' e ainda apresentou a canção que escreveu para a amada

Paolla Oliveira e Diogo Nogueira no 'Conversa com Bial'
Paolla Oliveira e Diogo Nogueira no 'Conversa com Bial' - 
Rio - Diogo Nogueira não poupou elogios para Paolla Oliveira ao "invadir" a entrevista da namorada no programa "Conversa com Bial" desta sexta-feira (17). O cantor fez questão de destacar o profissionalismo da atriz, comparando a atriz ao Rei Midas, personagem da mitologia grega conhecido por transformar em ouro tudo que toca.
"Me sinto abençoado. Uma mulher forte, trabalhadora, guerreira, uma das maiores atrizes desse país", declarou o cantor. "Ela agrega as coisas. Tudo que ela faz, ela faz com muita competência, muito estudo, muita força, uma mulher muito forte. Deixa tudo grande. Onde ela toca, vira ouro", afirmou sobre a vencedora da "Super Dança dos Famosos".
Depois, Diogo ainda apresentou a canção "Flor de Canã", que escreveu especialmente para sua amada. Os artistas assumiram o romance em julho deste ano e não escondem o carinho que sentem um pelo outro. Na manhã desta sexta-feira, o cantor participou do "Encontro com Fátima Bernardes" e contou sua reação quando Mumuzinho disse que queria apresentar os dois.
"Quando ele falou quem era, eu falei: 'não é possível'. Achei que fosse um trote, uma brincadeira. Falei com ela até o dia da gente se encontrar e foi evoluindo", relatou Nogueira.

Venceslauense Beto(Betinho) volta a jogar pelo Corinthians e ajuda o timãozinho a manter a ponta no paulista sub-15

Foto: André Pera


Foto: André Pera



 Foto: André Pera

O venceslauense Betinho(Beto) voltou a jogar pelo sub-15 do Corinthians diante da equipe de Salto pelo paulista da categoria. na vitória por 2 x 0. Betinho entrou no intervalo da partida já que está cumprindo uma transição programada pela equipe técnica e médica do clube paulista depois da contusão que sofreu quando estava treinando com a seleção brasileira na Granja Comary no Rio. Betinho sofreu o pênalti que abriu o placar para o alvinegro de parque São Jorge. Betinho disse aós a partida que "Precisa manter o foco nas competições do Corinthians e pensa na volta a seleção já que esteve nas duas primeiras convocações, mas tudo dependerá de seu desempenho pelo clube". Falou também que o pesamento está na semana. " Precisamos treinar bem e forte para enfrentamos o Guarani em nossa casa". O Corinthians sub-15 é líder de seu grupo na competição.

Jogadores do sub-15 do Corinthians inovam em corrente pra entrar em campo e enlouquece as redes sociais confira:





 No vídeo com a camisa 5 está o venceslauense Betinho.

CORINTHIANS VENCE SALTO E MANTÉM INVENCIBILIDADE NO CAMPEONATO PAULISTA SUB-15



 Assessoria de Imprensa

Foto: André Pera

O sábado foi de resultados positivos para a Base do Corinthians pelo Campeonato Paulista Sub-15 e Sub-17. Em partida válida pela 7ª rodada da competição estadual, o Sub-15 garantiu vitória pelo placar de 2 a 0, com gols de Matheus Rocha (pênalti)  e Guilherme (assistência: Yuske), e o Sub-17 levou a melhor por 1 a 0, com gol de Kayke (assistência: Gustavo Paulo). 

O Corinthians segue na liderança do Grupo 4. O próximo compromisso das equipes será diante do Guarani, no próximo sábado (25), na Fazendinha, às 9 e 11 horas. 

Escalação do Sub-15: Vasconcelos, Pellegrin, Matheus Rocha, Lucas Zago, Yago, Kaio, Guilherme, Vitinho, Gabriel, Yuske e Calebe.

O técnico Ramon Lima e seu auxiliar optaram por colocar o venceslauense Beto no segundo tempo  quando estava 0 x 0, ele vem de uma contusão que sofreu durante os treinos da seleção brasileira sub-15 e está realizando um trabalho de transição para adquirir sua forma ideal. Mesmo assim, Betinho sofreu o pênalti convertido por Matheus Rocha que abriu caminho para a vitória.

Casa própria, doenças cardíacas e acesso à crédito para pequena indústria Giro Brasil 61


Imagem: Brasil 61



 


*👩🏼‍🍳CARDÁPIO FIXO DO DIA*
Arroz. Feijão; Frango; Mandioca Cozida; Macarrão; Fricassê de Frango e Berinjela Frita._

🛵Taxa de Entrega R$ 4,00
{exceto Faive/Vencesville} 
☎️ Ligue já 3272-1919
🤳🏽 99613-2467 (Zap)
🧽🧴🔛😷

Semana Digital da Energisa promove ações para ampliar a experiência dos clientes com o atendimento virtual



Com praticidade e segurança, aplicativo Energisa On, Agência Virtual no site e Whatsapp estão disponíveis 24 horas por dia
Com o desenvolvimento tecnológico, resolver pendências de casa se tornou cada vez mais prático. No caso dos clientes da Energisa Sul-Sudeste, a tecnologia tem facilitado o acesso a serviços como emissão da segunda via da fatura, consulta de débitos, pedido de religação e até negociação de dívidas. Para informar os clientes sobre essas facilidades, a Energisa realiza a Semana Digital, com os funcionários das agências orientando sobre os serviços disponíveis pelo site Agência Virtual, aplicativo Energisa On e pelo Gisa (assistente virtual do WhatsApp).
"Nosso objetivo é garantir que o cliente faça as suas solicitações de forma ágil, fácil e segura, podendo buscar seu atendimento sem sair de casa, em qualquer dia e horário", explica Rodrigo Padovani Costa, coordenador de Atendimento da Energisa Sul-Sudeste.
As orientações, que já fazem parte da rotina de atendimentos nas 60 agências da empresa, estão sendo reforçadas. A ideia é facilitar a vida do cliente, auxiliando-o a instalar o aplicativo Energisa On, explicando sobre o funcionamento da Gisa, mostrando os serviços disponíveis por meios digitais, entre outras praticidades.
Serviços "na palma da mão"
Na área de concessão da Energisa Sul-Sudeste – que atende 82 municípios no interior de São Paulo, sul de Minas Gerais e Guarapuava (PR) – só nos primeiros nove meses deste ano foram mais de 3 milhões de contatos de clientes por meio dos canais digitais. Os números, que representam um aumento de 7% em relação ao mesmo período de 2020, confirmam que cada vez mais pessoas têm aproveitado os serviços disponíveis no Energisa On, site, Gisa, além dos 11 terminais de autoatendimento instalados em oito agências da Energisa Sul-Sudeste nos municípios de Assis, Bragança Paulista, Catanduva, Paraguaçu Paulista, Presidente Epitácio e Presidente Prudente, no estado de São Paulo; Extrema (MG) e Guarapuava (PR).
"A ampliação do atendimento por meios digitais proporciona maior abrangência dos serviços e facilita o dia a dia dos nossos clientes. Além disso, também contribui para diminuir o fluxo de pessoas nas agências físicas, o que é muito importante nesse momento de pandemia", acrescenta o coordenador de Atendimento.
Confira a lista dos serviços disponíveis nos canais digitais da Energisa:
Emissão de segunda via da fatura
Alteração de data de vencimento
Consulta de débitos
Histórico de consumo
Declaração de quitação
Informar leitura
Débito automático
Negociação de dívida
Atualização dos dados da fatura
Cadastro da fatura por e-mail
Informar falta de energia
Alteração de carga
Religação de energia
Alteração de demanda
Nova ligação
Serviço: Canais Digitais da Energisa
Aplicativo Energisa On (disponível para iOS e Android)
Gisa: (18) 99120-3365 (assistente virtual da Energisa pelo whatsapp)

Com nova atualização, 10ª RA atingiu a marca de 108.057 casos positivos e 2.975 óbitos em decorrência da doença

Pode ser uma imagem de área interna

Foto: Itamar Crispim-Fiocruz
REGIÃO - WEVERSON NASCIMENTO: de O Imparcial de Presidente Prudente
Ao longo desta sexta-feira, 18 cidades da 10ª RA (Região Administrativa) do Estado de São Paulo confirmaram mais 56 casos de Covid-19 e uma morte em decorrência da doença, sendo esta registrada em Junqueirópolis. Com isso, o total de registros positivos chegou a 108.057, sendo 2.975 óbitos e 104.655 casos recuperados. Outras 593 pessoas aguardam resultados de exames.
Na região de Presidente Prudente, confirmaram novos casos do novo coronavírus: Caiuá (1); Dracena (6); Estrela do Norte (1); Iepê (1); Indiana (4); Irapuru (2); Junqueirópolis (4); Osvaldo Cruz (3); Ouro Verde (1); Pacaembu (2); Piquerobi (5); Pirapozinho (2); Presidente Prudente (9); Rancharia (1); Ribeirão dos Índios (2); Rosana (2); Santo Anastácio (4); e Tupi Paulista (6); Presidente Venceslau (6). É valido ressaltar que alguns municípios não publicam o boletim diariamente, portanto, alguns dados são incluídos ao próximo expedido.
Com o avançar da pandemia, alguns municípios da região deixaram de publicar diariamente o boletim epidemiológico da Covid-19. Desta forma, a ronda produzida por este diário também passa a contabilizar os dados disponíveis na plataforma do Seade (Sistema Estadual de Análise de Dados Estatísticos).

Preço do litro do etanol já se aproxima do valor da gasolina

Pode ser uma imagem de texto que diz "GRRID PEToROAAE G Etanol Diesel ADITIVADO 5,899 4,399 4,779 4,829 D Diesel S10 ADITIVADO"

Foto: Roberto Kawasaki
Estiagem, tempo seco e geada prejudicaram plantações de cana-de-açúcar das usinas, que encerarão a safra mais cedo que o normal
PRUDENTE - ROBERTO KAWASAKI de O Imparcial de Presidente Prudente
O valor do litro do etanol está mais caro. Um levantamento feito pela reportagem em postos de combustíveis de Presidente Prudente mostra que o preço já encosta no da gasolina. No dia 6 de julho, a diferença entre os valores médios era de R$ 1,70 mais barato para o etanol, e pouco mais de dois meses depois, a diferença entre as médias caiu 26 centavos e ficou em R$ 1,44 - o que preocupa o consumidor, principalmente aqueles que precisam usar o meio de transporte com mais frequência.
Milton Ribeiro Sobral, presidente do Sindetanol (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Químicas, Farmacêuticas e Fabricação de Álcool, Etanol, Bioetanol e Bicombustíveis de Presidente Prudente e Região), afirma que o aumento no valor está relacionado ao período de estiagem, seca e ocorrências de geadas nos últimos meses que tanto prejudicaram as plantações de cana e, consequentemente, refletiram na produção de álcool.
“Geralmente, a safra termina entre novembro e começo de dezembro, mas a maioria das usinas vai terminar em outubro devido à seca e estiagem que houve e permanece até agora. Em alguns locais, a geada também afetou bastante os canaviais e trouxe essas consequências”, explica. “Houve uma queda na produção de etanol, por isso que as usinas vão terminar a safra até um pouco antes do normal, e haverá uma entressafra mais longa porque não prejudica só agora, mas também na próxima. Tudo isso faz com que o preço do etanol se eleve”.
De acordo com Milton, a realidade é preocupante. “O começo do ano pode ser pior porque não estaremos mais na safra, então o produto ficará mais escasso. Não estou dizendo que vai faltar produto, mas a tendência é subir o preço do etanol”, expõe.
preço do etanol assusta moradores de presidente prudente
Usinas encerarão a safra da cana mais cedo que o normal
Reflexo no orçamento
Wesley Aparecido de Jesus, do conselho fiscal da Amoesp (Associação dos Motoristas de Aplicativo do Oeste Paulista), explica que o aumento do preço do combustível impacta diretamente no trabalho dos motoristas, ainda mais quando não há reajuste das tarifas referentes ao serviço. “Quem mais sofre é a população, porque os motoristas estão desistindo de algumas corridas devido ao baixo valor e à alta do combustível, não compensa”, lamenta.
De acordo com Wesley, a manutenção do carro também está mais cara, e cita como exemplo o aumento no preço do óleo, que tem que ser trocado uma vez por mês. “Ficamos a pandemia com poucos passageiros, depois só aumentos e nada de reajustes para nós. Já tem motoristas procurando outra atividade mais lucrativa do que ficar em aplicativo”, conta.
O fisioterapeuta Leandro Almeida Sassi viaja a trabalho entre Santo Anastácio, Presidente Venceslau e Presidente Prudente. Para ele, o aumento no preço do etanol reflete no orçamento no final do mês. “Qualquer diferença pequena que dá eu sinto no bolso. Uso praticamente um tanque de combustível por semana, e como pego muita pista, mesmo meu carro fazendo a mesma quilometragem, quando sobe 10 centavos já sinto a diferença na hora de encher o tanque”, afirma. “Muitas vezes pensei em substituir pela gasolina, mas ela não dá tanta diferença no meu carro em quilometragem, e querendo ou não acaba saindo mais pesado. Mas, como agora estão praticamente no mesmo preço, acaba saindo elas por elas”.
A jornalista Taine Paco Correa também lamenta o aumento no valor. “Uso meu carro para trabalhar. Tem a ida, aí eu volto pra casa para o almoço, depois retorno ao trabalho. Eu moro em Álvares Machado e trabalho no centro de Prudente, então, o gasto é enorme. Infelizmente não tem reajuste na nossa vida para a gente se adaptar a esse preço absurdo. Mudei de emprego e foi conversado sobre esse preço no salário, mas se eu tivesse ainda no antigo trabalho e tivesse que ir todos os dias, não teria o que fazer, ia ter que arcar com isso”, expõe.

Conta de energia tem nova alta e população sente reajuste

Nenhuma descrição de foto disponível.

Foto: Freepik

Aneel anunciou que a partir deste mês será feito mais um reajuste na conta de luz; inflação do preço dos alimentos e dos combustíveis frente à estagnação do salário mínimo faz classe trabalhadora sofrer
PRUDENTE - CAIO GERVAZONI de O Imparcial de Presidente Prudente
No final de agosto, o governo federal, por meio da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), anunciou a criação de uma nova bandeira tarifária para a conta de energia. Chamada de “escassez hídrica”, a recente tarifa começou a vigorar desde o início de setembro e será cobrada até abril de 2022. Neste caso, para cada 100 kWh consumidos, o valor é de R$ 14,20.
De acordo com a Aneel, o aumento na conta de luz será, em média, de 6,78%. A partir deste mês, a cada 100 kWh (quilowatts-hora) usados, o consumidor irá pagar R$ 14,20 a mais. O último reajuste na conta de energia ocorreu em julho, quando a bandeira vermelha patamar 2 substituiu a vermelha 1. Naquele mês, o consumo de 100 kWh foi de R$ 3,97 para R$ 9,49.
Segundo a agência, a bandeira de escassez hídrica foi criada para fazer frente ao aumento de gastos por conta do agravamento da crise hídrica no país. Em 2021, as usinas termoelétricas precisaram ser acionadas por conta do baixo nível dos reservatórios das hidrelétricas, principalmente, nas regiões centro-oeste e sudeste. Além de ser mais poluente, custosa e menos eficaz, diferentemente das usinas hidrelétricas - que geram energia por meio da água, as termoelétricas produzem eletricidade a partir de combustíveis fósseis, como carvão, diesel e gás. Sempre que esta forma de geração de energia é acionada, há acréscimos na conta de luz.
Se nos reservatórios o nível de água é escasso, metaforicamente, a classe trabalhadora já vê a água passar do pescoço ao remar contra a maré de reajustes. O novo aumento na conta de luz soma-se aos acréscimos nos preços dos alimentos, combustíveis e do custo de vida em geral; e como diria o professor Raimundo em seu famoso bordão: “e o salário, ó!”.
Sob a ótica da população
O coletor de lixo, Marcos Nonato, relata que o atual contexto é extremamente penoso. “Rapaz, a vida nossa tá muito difícil. No começo do ano, eu pagava cerca de R$ 70 e hoje pago por volta de R$ 100. Na minha casa, moram três pessoas. Tá tudo subindo, não é só a energia, não. Eu não sei o que [o país] vai virar”, pontua o coletor.
“O pobre vai sentir e não é pouco, não”, afirma o comerciante Anderson Marques de Souza. Para ele, a estagnação do salário mínimo e o aumento constante do custo de vida representa uma “facada” no bolso do trabalhador brasileiro. “É complicado. Minha casa é uma edícula com quatro cômodos e já cheguei a pagar R$ 350 de energia. É muita coisa. É doído e ainda mais na pandemia. Como você sobrevive, fala pra mim?”, expõe. “No meu comércio, que voltou recentemente, eu não senti ainda tanto porque diminuí o uso do freezer”, pontua o comerciante, que antes pandemia usava cinco freezers para refrigerar as bebidas do bar; atualmente, ele utiliza três.
“Eu tento economizar o máximo possível. Luz é apagar e não acender para nada, só em caso de emergência. No chuveiro, a coisa tem que ser rápida. É entrar, jogar água no corpo, esfregar rápido e sair. Nada de ficar pensando de baixo do chuveiro mais não”, pontua o comerciante.
Para a aposentada Araci Leão Moreno Ishikawa, o aumento na conta de energia representa mais um peso para a renda da família. “Olha, bom não é porque cada vez aperta mais e o salário diminui. E ainda mais que eu pago um plano de saúde só meu por conta de problemas de saúde. Nesse calorão ainda, que a gente necessita usar o ar-condicionado... tanto é que eu e meu marido só usamos o ar até refrescar o quarto, depois desligamos e aí fica só no ventilador”, narra dona Araci.
Recomendação para economizar
O coordenador de Grandes Clientes da Energisa Sul-Sudeste, Carlos Eduardo Mariano, pontua algumas recomendações que os consumidores podem seguir para mitigar os gastos associados ao consumo de energia elétrica. Para o coordenador, neste momento de reajuste, é importante que o cliente saiba como ocorre o consumo de energia elétrica em um equipamento. “Você tem duas variáveis: a potência normalmente é dada em watts e o tempo que este equipamento funciona. O cliente pode atuar tanto na redução da potência do equipamento, que é algo mais complicado, porque implicaria em investimentos para substituir o equipamento. Ou atuar no tempo de funcionamento, que é algo que está em nosso alcance. Use aquilo que for essencial e, assim que possível, desligue o equipamento”, recomenda Carlos.
Sistema de bandeiras
O Sistema de Bandeiras Tarifárias foi criado pela Aneel em 2015 para indicar se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração de eletricidade. O sistema apresenta as seguintes bandeiras, que refletem os custos variáveis da geração de energia: verde, amarela e vermelha.
• Verde: não há qualquer acréscimo nas contas; as condições para geração de eletricidade são favoráveis;
• Amarela: há o acréscimo de R$ 1,87 por 100 kWh; as condições são um pouco menos favoráveis do que na situação anterior;
• Vermelha: as condições são amplamente desfavoráveis; no patamar 1, é acrescido R$ 3,97; no patamar 2, o acréscimo é de R$ 9,49 por 100 kWh.

Sicredi lança campanha para promover objetivos de desenvolvimento sustentável

Pode ser uma imagem de 1 pessoa

Foto: Weverson Nascimento
“Sicredi & Smurfs - Juntos pelo Desenvolvimento Sustentável” reforça a conexão da instituição financeira cooperativa com as metas estabelecidas pela ONU para um mundo melhor
REGIÃO - WEVERSON NASCIMENTO: O Imparcial de Presidente Prudente
A Sicredi Rio Paraná PR/SP lançou ontem o projeto “Sicredi & Smurfs - Juntos pelo Desenvolvimento Sustentável”, que reforça a conexão da instituição financeira cooperativa com os ODSs (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável), estabelecidos pela ONU (Organização das Nações Unidas) para um mundo melhor.
As “criaturas azuis” usadas para campanha protagonizam histórias que enfatizam a importância da colaboração e da ajuda mútua. Assim são os Smurfs, personagens criados em 1958 pelo cartunista belga, Peyo, e, atualmente, embaixadores da Agenda 2030 e dos ODS, que se juntam à Sicredi, primeira instituição financeira cooperativa do país e integrante do Pacto Global, para reforçar ainda mais a promoção das metas propostas pela ONU.
O projeto foi criado para a Semana dos Objetivos Globais (realizada entre os dias 17 e 26 de setembro) e busca promover reflexões, divulgar ações e as boas práticas que visam o cumprimento da Agenda 2030. Com a parceria, a instituição financeira cooperativa lançou ontem o site Sicredi e Smurfs (www.sicrediesmurfs.com.br), desenvolvido especialmente para o projeto com conteúdos sobre os ODS. Também serão divulgados vídeos protagonizados pelos Smurfs e com imagens reais de iniciativas do Sicredi que estão contribuindo com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Os vídeos serão disponibilizados tanto no site oficial do projeto quanto nas redes sociais da Sicredi Rio Paraná PR/SP.
Crescimento econômico
O presidente da Sicredi Rio Paraná PR/SP, Jorge Bezerra Guedes, explica que a instituição tem em seu DNA, em sua essência, justamente a promoção de solidariedade e ajuda mútua. “Um dos objetivos do nosso estatuto é exatamente a ajuda mútua. Esse é o fundamento do nosso trabalho, da nossa forma de constituir um negócio”, detalha.
Ainda de acordo com ele, a Sicredi tem democratizado o acesso aos serviços financeiros, especialmente em pequenos municípios. Esse impacto, diretamente ligado à promoção do oitavo Objetivo de Desenvolvimento Sustentável – Trabalho decente e crescimento econômico – também tem sido demonstrado em pesquisa divulgada pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), acrescenta.
Tal estudo, segundo o presidente, foi encomendado para compreender qual era a influência das cooperativas nas comunidades onde atuam. Segundo o levantamento, o cooperativismo de crédito aumentou o PIB (Produto Interno Bruto) dos municípios onde atua em 5,6%, frente às cidades que não contam com cooperativas. Além disso, influenciaram ao criar 6,2% mais vagas de trabalho formal, incentivando, consequentemente, o empreendedorismo ao proporcionar apoio econômico e financeiro para as empresas se desenvolverem.
Desenvolvimento sustentável
A instituição integra o Pacto Global desde fevereiro de 2020, e, ao longo dos anos, muitas iniciativas vêm sendo desenvolvidas pela cooperativa visando à construção de uma sociedade mais próspera. Desta forma, outro trabalho desenvolvido pela Sicredi no que se refere aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável é o trabalho voltado para educação (ODS 4 - Educação de qualidade). Atualmente, a instituição financeira conta com o programa “A União Faz a Vida”, que trabalha com crianças e jovens buscando levar cidadania, solidariedade, empreendedorismo e cooperação.
A educação cooperativa, portanto, age de forma a educar os jovens para que eles aprendam, no ambiente escolar, a desenvolver projetos e iniciativas capazes de transformar a sociedade e atender aos desejos e anseios das comunidades. “Nós temos uma metodologia voltada para que ao fazer tal prática, o aluno aprenda ou desenvolva valores de cidadania e cooperação”, enfatiza Jorge. Ainda dentro do ODS 4, o presidente cita a educação financeira que, ao compartilhar boas práticas, podem proporcionar uma vida financeira mais sustentável para muitas pessoas.
Outro ponto que também se destaca é o objetivo de desenvolvimento sustentável “17 – Parcerias e meios de implementação”. Isso porque a Sicredi faz parcerias com vários tipos de entidades associativas. “Como estimulamos o associativismo, onde tem uma empresa que é de propriedade coletiva nós procuramos estar junto. Nós procuramos intercooperação de crédito ou de produção, entre outros aspectos”, enfatiza o presidente.
Outra ação engajada pela Sicredi Rio Paraná PR/SP é quanto ao “Mutirão do Lixo Eletrônico”, que busca sensibilizar os colaboradores, associados da cooperativa e a comunidade sobre o descarte correto destes produtos. Em 2019, uma tonelada de lixo eletrônico foi arrecadada pela iniciativa. Tal feito, inclusive, atinge mais um objetivo de desenvolvimento sustentável – “11 – Cidades e comunidades sustentáveis”.
A igualdade de gênero, proposta no ODS 5, também tem mobilizado a atuação da Sicredi. O apoio e a capacitação às lideranças femininas facilitaram a formação do Comitê Mulher, que conta com mais de 150 participantes da comunidade.
SERVIÇO
Estas e outras ações serão apresentadas na campanha “Sicredi & Smurfs - Juntos pelo Desenvolvimento Sustentável”. Para acompanhar a programação basta entrar no site www.sicrediesmurfs.com.br ou nas redes sociais da Sicredi Rio Paraná PR/SP. Depois que você conhecer um pouco sobre esta importante iniciativa, pratique no seu dia a dia e ajude a levar esta mensagem para mais pessoas.

Palmeiras decide no primeiro tempo e vence a Chapecoense na Arena Condá

Pode ser uma imagem de 2 pessoas e ao ar livre

(Foto: Cesar Greco / Ag Palmeiras)
Verdão marca duas vezes na etapa inicial e afunda ainda mais a equipe catarinense
No último jogo antes das semifinais da Copa Libertadores, o Palmeiras mostrou que ainda está vivo no Brasileirão. Com os titulares em campo, o Verdão venceu a lanterna Chapecoense por 2 a 0, neste sábado, na Arena Condá, pela 21ª rodada. O jogo foi decidido no primeiro tempo com os gols marcados por Raphael Veiga e Luiz Adriano.
Próximos jogos
O Palmeiras volta a campo na terça-feira para o primeiro jogo das semifinais da Libertadores, contra o Atlético-MG, às 21h30, no Allianz Parque. No sábado, faz o clássico contra o Corinthians, às 19h, em Itaquera, pelo Brasileirão. A Chape encara o Ceará, sábado, às 17h, em Fortaleza.

Ceará e Santos não saem do zero e ficam perto da zona de rebaixamento

Pode ser uma imagem de 5 pessoas, pessoas jogando futebol americano e ao ar livre

Foto: Kid Júnior / SVM)
Peixe tem chance da vitória com Marinho, mas atacante escorrega e erra pênalti no primeiro tempo; Tiago Nunes e Fábio Carille seguem sem vencer em suas novas equipes
Ceará e Santos ficaram no empate por 0 a 0 na noite deste sábado, na Arena Castelão, num jogo morno, com poucas chances e que manteve os dois times perto da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro – o jogo foi válido pela 21ª rodada. A melhor chance de mudar a história esteve nos pés de Marinho, mas o atacante do Santos escorregou e errou um pênalti ainda no primeiro tempo. Não houve, porém, mais lances perigosos além desse. Os técnicos Tiago Nunes, de um lado, e Fábio Carille, do outro, ainda buscam a primeira vitória no comando de suas novas equipes. O Ceará chega a seis jogos sem ganhar na temporada, e o Santos vai a nove.
Próximos jogos
Os dois times voltam a campo no próximo fim de semana, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Ceará recebe a Chapecoense no sábado, na Arena Castelão, às 17h (de Brasília), enquanto o Santos recebe o Juventude no domingo, às 16h, na Vila Belmiro.