Páginas

Pesquisar este blog

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

De volta a 'Órfãos da terra', Bruno Cabrerizo diz: 'Estou solteiro, mas sozinho nunca'

Bruno Cabrerizo é Hussein em "Órfãos da terra"
Bruno Cabrerizo é Hussein em "Órfãos da terra" Foto: Estevam Avellar/Rede Globo/Divulgação
Leonardo Ribeiro
 Foto: Estevam Avellar/Rede Globo/Divulgação
Hussein (Bruno Cabrerizo) está de volta a “Órfãos da terra” para ajudar a resolver os problemas de muita gente. Começou dando uma herança perdida a Jamil (Renato Góes), para o primo se livrar da dívida com Dalila (Alice Wegmann). Essa semana, o ex-capanga vai ajudar a reunir provas para tirar Almeidinha (Danton Mello) da cadeia. É o herói que estava faltando?
— A função dele é ajudar o primo que tanto ama. Hussein vem para dar a reviravolta na trama, mas não é “O salvador” — diz Cabrerizo.
Entre uma aventura e outra, o bonitão vai poder demonstrar seus encantos por Helena (Carol Castro). É mais uma comprometida que o personagem se interessa.
— Será que é fetiche? Brincadeira, são coincidências da vida. Vai ser uma paixão mais tranquila. Hussein vai correr atrás só quando ficar sabendo que a relação de Helena e Elias (Marco Ricca) não for para frente. É tudo muito respeitoso — analisa.
E o ator garante que triângulos amorosos ficam só na ficção:
— Eu não gosto de esperar. Se a pessoa está comprometida, eu parto pra outra. Acho horrível ficar em cima. Tem tanta gente legal pra se conhecer, né?
Falando nisso... o dono desse belo par de olhos azuis anda disposto a conhecer pessoas novas.
— Estou solteiro ainda. Procurando, não estou. Se for olhar as matérias que já saíram sobre mim, parece que eu peguei o Rio de Janeiro todo (risos). Mas não. Só que, claro que estou solteiro, mas sozinho nunca — diz após uma boa gargalhada.
Um dos motivos para a solteirice, segundo Cabrerizo, é a sua “vida cigana”, já que quando não está gravando, o ator volta para a Itália, onde mora. Nos dois meses e meio que ficou sem gravar a novela, por exemplo, foi exatamente isso que ele fez. Tudo para ficar mais perto dos filhos, Gaia, de 8 anos, e Elia, de 6, frutos da relação com a ex-mulher Maria Caprara.
— Fui privilegiado por ter essas férias no meio da novela e aproveitei para ficar com os meus filhos, levar para a escola, gastar energia com eles. Machuca é dar tchau, a saudade dói pra caramba. Meus filhos são minha base, onde me sinto forte. Mas fazer o quê? Todos nós temos que trabalhar, a vida é isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário