Páginas

Pesquisar este blog

terça-feira, 22 de outubro de 2019

Flamengo: Dez motivos que explicam por que o Rubro-negro 'passeia' no Brasileiro e abre abismo para rivais
Time do Flamengo comemora no Maracanã© Getty Images Time do Flamengo comemora no Maracanã
Campeonato Brasileiro 2019 tem um dono. O Flamengo caminha a passos largos para confirmar o título.
O líder termina a 27ª rodada com 10 pontos de diferença para o vice, o Palmeiras. Mas o domínio é ainda maior.
Analisando os números, fica evidente que o time rubro-negro vem "passeando" na competição. Mas dá para dimensionar o quão dominante é a campanha dos comandados de Jorge Jesus?
Pensando nisso, o ESPN.com.br separou alguns números que escancaram o reinado do Flamengo. Aliás, alguém vai tirar o título rubro-negro?
Nas últimas 14 partidas, foram 13 vitórias e 1 empate. O São Paulo estragou a série perfeita. São 40 pontos. O Bahia, oitavo colocado, que joga nesta segunda contra o Ceará, tem 41. O Athletico-PR, nono, soma 39. Ou seja, do nono para o lanterna, todos têm pior campanha em 27 jogos que o Flamengo nos últimos 14.  

22 pontos

Foram conquistado pelo Flamengo no segundo turno, com 7 vitórias e 1 derrota. Chapecoense e Avaí, respectivamente penúltimo e último colocados, têm 17 pontos em toda a competição.

91,67%

É o aproveitamento do time rubro-negro apenas no returno. A segunda melhor campanha é do Goiás, 70,83% de aproveitamento, com 17 pontos.     

Visitante indigesto

O Flamengo é o melhor visitante do Brasileirão. São 27 pontos em 14 jogos (8 vitórias, 3 empates e 3 derrotas, aproveitamento de 64,29%). É o melhor ataque fora de casa, com 23 gols, e o melhor saldo, 11. Santos e Palmeiras somam 21 pontos longe dos seus domínios.

Mandante indigesto

Se fora de casa o Flamengo é dominante, o que dizer quando é o mandante? O time de Jesus soma 37 pontos em 13 jogos (12 vitórias e 1 empate, 94,87% de aproveitamento). São 34 gols-pró em casa, melhor ataque do que 14 outros times no geral. 

79,01%

É o aproveitamento do Flamengo no Brasileirão-2019. São 64 pontos em 27 jogos, 10 a mais que o Palmeiras, 20 a mais que o Corinthians, 27 a mais que o Vasco da Gama, 34 a mais que o Botafogo, 35 a mais que o Fluminense, 47 a mais que o lanterna Avaí.

57

É o número de gols marcados pelo líder na competição. A média é de 2,1 por partida. São 13 gols a mais que o segundo melhor ataque, o Grêmio.

35

É o saldo de gols do Flamengo, 14 à frente do Palmeiras, segundo colocado no quesito. O saldo rubro-negro seria o sexto melhor ataque do Brasileirão.     

84 dias

Ou 23,01% de 2019, se você preferir. Esse é o tempo da invencibilidade do Flamengo no Brasileirão até domingo, dia 27 de outubro, data do duelo contra o CSA. A última derrota foi para o Bahia, em 4 de agosto.

19

Gols fez Gabigol até agora, artilheiro do Brasileirão, superando os 18 que ele fez em 2018, quando ganhou a Chuteira de Ouro (levou também a Bola de Prata de melhor centroavante do Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet). Em 20 jogos, a média é de 0,95. O CSA, por exemplo, fez 17 até agora. O Avaí, 13. O vice-artilheiro tem 12, Bruno Henrique, do... Flamengo.
Ricardo Zanei
ESPN
fonte:msn

Nenhum comentário:

Postar um comentário