Páginas

Pesquisar este blog

quarta-feira, 19 de agosto de 2020

Cobrança

Pressionado, Palmeiras encara Athletico atrás de soluções ofensivas


Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Rony deve ganhar chance como titular em Curitiba
O Palmeiras enfrenta, nesta quarta-feira (19), o Athletico, em Curitiba, a partir das 19h30, cercado de responsabilidade e de cobrança, apesar de ser apenas a terceira partida da equipe pelo Campeonato Brasileiro. A necessidade de vencer um rival da Série A pela primeira vez na temporada e de mostrar uma atuação bem mais convincente que as anteriores deixam o time pressionado para reagir.
O empate do último sábado (15) diante do Goiás, no Allianz Parque, é um dos fatores que provocaram esse cenário. Mesmo dentro de casa e contra um adversário com 15 desfalques provocados pelo novo coronavírus, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo criou muito pouco e só chegou ao gol em jogada de bola parada. Os próprios atletas admitiram frustração pela partida ruim e que significou o quarto empate seguido na temporada
Apesar de ter sido campeão paulista há menos de duas semanas, o Palmeiras considera que precisa melhorar. Para reagir, o time tem como objetivo solucionar o problema da criação de jogadas. No início do ano o Palmeiras confiava em Dudu como um dos grandes articuladores do ataque. Porém, desde a saída do camisa 7, a equipe fez oito partidas e só ganhou três, contra Água Santa, Santo André e Ponte Preta.
A tendência é Rony ganhar chance de ser titular em Curitiba para enfrentar o ex-clube. O zagueiro Felipe Melo continua fora por estar com lesão na coxa esquerda. Na lateral, o uruguaio Viña tenta se recuperar de pancada. Caso jogue, Diogo Barbosa será novamente ser escalado no time.
Do lado do Athletico, o principal desfalque é na beirada do gramado. O técnico Dorival Júnior testou positivo para Covid-19 e está afastado. Quem fica no comando da equipe é Lucas Silvestre, filho e auxiliar do treinador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário