Páginas

Pesquisar este blog

sábado, 29 de agosto de 2020

Dúvida

Marinho treina com restrições e não está confirmado contra Flamengo


Ivan Storti/Santos
Marinho se recupera de dores na coxa direita
Marinho não fez todo o trabalho em campo na tarde desta sexta-feira (28), no CT Rei Pelé, e ainda é dúvida no Santos para enfrentar o Flamengo no domingo (30), às 16h, na Vila Belmiro, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.
O camisa 11 sente dor na coxa direita e não participou de todo o treino tático. O fim da atividade foi na academia. Lucas Braga e Tailson podem substituí-lo se o problema não for superado. O técnico Cuca, porém, espera contar com Marinho na partida.
Na defesa, João Paulo será mantido no gol e Jobson substituirá Alison, suspenso, no meio-campo. No ataque, Raniel deve entrar no lugar de Kaio Jorge.
A provável escalação do Santos é: João Paulo, Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Jobson, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Marinho (Lucas Braga ou Tailson), Soteldo e Raniel.
COPETE
O atacante Jonathan Copete está nos planos de Cuca para a sequência do Campeonato Brasileiro, mas o treinador aguarda a resolução de um impasse do Santos na Fifa para poder aproveitá-lo. O colombiano vem treinando no CT Rei Pelé, mas não pode ser regularizado para defender o clube.
O Santos foi impedido de registrar jogadores em função de punição imposta pela Fifa. O clube ainda não quitou a aquisição do zagueiro Cleber junto ao Hamburgo, adquirido em 2017. A dívida está em R$ 25 milhões e a diretoria busca um acordo para iniciar o pagamento da dívida, destravando a inscrição de novos atletas.
Copete atuou pela última vez com a camisa do Santos em junho de 2019. Depois disso, foi emprestado ao Pachuca, do México, onde ficou até o fim de janeiro. Na sequência, então, se transferiu ao chileno Everton, tendo entrado em campo apenas duas vezes, a última delas em março.
Está no seu retorno do Everton ao Santos o problema que impede o seu registro. Como o contrato de empréstimo foi rompido, se encerrando antes da data final, o contrato de Copete com o clube da Vila Belmiro não volta a vigorar normalmente, sendo preciso um novo registro. E, por causa da punição imposta pela Fifa, a equipe alvinegra não pode regularizar o vínculo com o atacante colombiano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário