Páginas

Pesquisar este blog

sábado, 22 de agosto de 2020

Ivete Sangalo sobre sexo na quarentena: “Tem que ser caceteiro”

Crédito: Reprodução/Instagram


Ivete Sangalo abriu a sua intimidade para falar sobre como tem sido a dinâmica de sexo no período da pandemia do novo coronavírus. Em participação no ‘Otalab’, no UOL, comandando por Otaviano Costa, nessa quinta-feira (20), a cantora comentou sobre os desafios da relação, mas ressaltou que: basta uma faísca para tudo pegar fogo.

“Na quarentena, a frequência do sexo é outra. Existem outras prioridades. Mas é o seguinte, tem que ser caceteiro, garantir. Demora um pouco, mas na hora que a casa cai é pedaço de madeira para todo lado”, disse Ivete, em conversa descontraída.
Apesar disso, ela destacou que é difícil criar um “clima romântico” em meio ao atual cenário de crise de saúde: “É muito difícil você criar uma história de romance dentro de uma ideia que não é romântica. A ansiedade sobre o que está por vir, essa dúvida sobre o que vai acontecer, esse número de mortos [pela covid-19]”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário