Páginas

Pesquisar este blog

domingo, 2 de agosto de 2020

“Julgar é cruel”, desabafa Tatá Werneck sobre pressão da maternidade

Crédito: Reprodução Instagram


A apresentadora Tatá Werneck fez um desabafo importante e consciente sobre maternidade. Na tarde deste sábado (01), em seu Instagram, ela publicou uma foto com a filha, Clara Maria, e falou das cobranças e pressões que muitas mulheres sofrem após se tornarem mães.

“O batom não esconde os olhos cansados. Sou a melhor mãe que posso ser. A MELHOR que POSSO. Não a melhor do mundo. A melhor que posso. E meu amor não tem limites. As vezes vejo outras mulheres julgando a maternidade das outras …ainda existe espaço pra isso? Não existe mais isso de ‘mãe deve ser assim’. ‘Mulher tem que …’. Foi se o tempo do julgamento. Aberta a Era da empatia. Da compreensão. Julgar a maternidade do outro é cruel. De palpite apenas a quem te pedir  Mães libertem-se! Sofremos. Lamentamos. Sorrimos. Doamos. Fazemos nosso melhor! E que fique ao nosso lado só quem quiser contribuir e ajudar”, escreveu Werneck na legenda do post.
A postagem da artista foi bem aceita pelos seguidores e recebeu muitos elogios pelo relato.
Veja a publicação de Tatá Werneck:

Nenhum comentário:

Postar um comentário