Páginas

Pesquisar este blog

domingo, 16 de agosto de 2020

Namoro de Eliza e Arthur não vai longe em 'Totalmente Demais': Carolina arma, e ele flagra a ruiva na cama com Rafael

Arthur flagra Eliza na cama com Rafael
Arthur flagra Eliza na cama com Rafael Foto: Reprodução
Extra
Foto: Reprodução
Tinhosa, Carolina (Juliana Paes) não vai deixar barato por ter perdido o amor de Arthur (Fábio Assunção) para Eliza (Marina Ruy Barbosa), em "Totalmente Demais". Mais uma vez, a morena dará uma rasteira na ruiva, na novela das sete, e o conto de fadas vai desmoronar. Durante uma viagem ao Uruguai para uma sessão de fotos para a revista Totalmente Demais, a jornalista arma com Rafael (Daniel Rocha) para ela ser flagrada na cama com o fotógrafo. Arthur, então, termina tudo com a namorada.
Rafael aceita participar do plano para se vingar de Germano (Humberto Martins), já que o presidente da Bastille e Lili (Vivianne Pasmanter) vão voltar a morar juntos, com a volta de Sofia (Priscila Steinman). Enquanto o empresário tenta conquistar a ex, o fotógrafo decide mostrar que levou a outra filha do rival para a cama.
Carolina coloca sonífero no vinho de Eliza, durante um jantar das duas com Rafael, que também bebe além da conta. A jornalista fotografa os dois alterados, aos risos, brindando. Na volta para o hotel, já trocando as pernas, a ruiva se apoia no fotógrafo, e Carolina faz mais cliques. O cúmplice coloca a modelo na cama e deita ao seu lado, abraçando-a. Os dois acabam adormecendo assim.
Na manhã seguinte, Arthur chega ao Uruguai. No hotel, com um buquê de flores na mão, pede na recepção para não ser anunciado, pois quer fazer uma surpresa para a namorada. No corredor, ele consegue que uma camareira lhe abra a porta do quarto de Eliza. Quando acende a luz, dá de cara com a cena: a modelo e o fotógrafo dormindo abraçados.
"Não acredito! Eliza e Rafael?!", diz o agente, chocado, acordando a namorada, que fica sem entender nada.
"Arthur?!", se assusta a moça, percebendo a companhia indesejável: "Rafael! Acorda, Rafael! O que você tá fazendo aqui? Arthur, eu juro que não sei o que...".
Arthur a interrompe: "Eu sei! Sei muito bem!"
Rafael, de ressaca, intervém: "Arthur, não é nada disso que você tá pensando".
"Cala a sua boca! Ou pelo menos seja original", diz o playboy, enfurecido.
Eliza fica tentando se explicar, sem se lembrar muito bem de como chegou ali com o fotógrafo, que é expulso do quarto.
"O palhaço sou eu, né, Eliza?", Arthur deixa o buquê cair das mãos: "Agora, tenta me convencer. Tô esperando".
Atônita, Eliza comenta: "Eu queria saber por onde começar..."
"Começa pela parte que você destruiu meu coração. Que ironia! Ser pisoteado justamente pela menina ingênua por quem eu me apaixonei", diz o agente, decepcionado: "Ser traído é péssimo, mas pior é ter feito papel de palhaço!"
Eliza insiste: "Eu não te traí! Quantas vezes eu vou ter que repetir isso? Olha só, eu ainda tô de roupa".
Magoado, Arthur abre o coração: "Eliza, você era a última pessoa no mundo de quem eu esperava... O velho Maurice tinha razão. Ele disse que eu não devia me apaixonar por uma garota que, na primeira oportunidade... Você me destruiu! Pior, destruiu a coisa mais importante que eu tinha, meu amor por você".

Nenhum comentário:

Postar um comentário