Páginas

Pesquisar este blog

sexta-feira, 28 de agosto de 2020

Por onde andam? Veja nove atores de 'Mulheres Apaixonadas' que sumiram das novelas

Trama das 21h voltou ao ar na última segunda-feira (24), no canal Viva, e já faz bastante sucesso

Por iG
São Paulo - O grande sucesso de 2003, "Mulheres Apaixonadas", voltou ao ar na última segunda-feira (24), no canal Viva. A novela escrita por Manoel Carlos com direção de Ricardo Waddington, foi o pontapé inicial de diversos atores e atrizes que ficaram conhecidos nacionalmente. Mas parece que alguns deles decidiram sair dos holofotes e simplesmente sumiram das novelas globais. 

1- Erik Marmo

A novela foi o melhor momento na carreira do jovem ator na TV, com seu personagem Cláudio, par romântio com Edwiges (Carolina Dieckmann), ele foi um grande sucesso. Ele até chegou a participar de outras novelas da telinha como "Alma Gêmea" (2005), "Sete Pecados" (2017) e "Gabriela" (2012), mas se mudou em 2014 para Los Angeles, nos Estados Unidos, e desde 2015 apresenta o programa Planeta Brasil na Globo Internacional.

2- Helena Ranaldi

"Mulheres Apaixonadas" também foi um grande sucesso para a atriz Helena Ranaldi, atuando como a personagem Raquel, uma mulher sofrida, que lutava contra a violência contra as mulheres. A atriz foi um dos rostos mais conhecidos da emissora e emendava uma novela na outra. Ranaldi atuou em quase todas as produções do autor Manoel Carlos, até 2014. Desde então, ela se mudou pra São Paulo e optou por focar a sua carreira no teatro e, assim, não teve o seu contrato fixo renovado com a Rede Globo. 

3- Pedro Furtado

O gaúcho Pedro Furtado iniciou sua carreira aos 17 anos, no cinema, atuação que lhe rendeu o convite para a novela "Mulheres Apaixonadas", em 2003. Filho do roterista Jorge Furtado, ele tem talento no DNA. Na trama ficou nacionalmente conhecido, após fazer parte do triângulo dramático vivido por Raquel (Helena Ranaldi), Marcos (Dan Stulbach) e Fred conquistando assim a audiência. Em 2008 ele formou-se filósofo pela PUC-RS e começou sua carreira como roteirista, sendo foi indicado a vários prêmios, brilhando em 2013 com o longa "Boa Sorte", vencedor do prêmio de Melhor Roteiro, no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro.

4- Júlia Almeida

Filha do escritor Manoel Carlos, Júlia Almeida participou de "Mulheres Apaxionadas" após se destacar na novella "Laços de Família, nos anos 2000. Na trama ela interpretou a personagem Vidinha. Júlia ainda trabalhou nas novelas "Duas Caras" (2007) e "Caminho das Índias" (2009). Mas, desde 2014, ela vive em Londres, na Inglaterra, onde é casada com um britânico. Lá, criou uma marca de moda praia, cujas peças são confecccionadas no Brasil. Sua última aparição na TV foi em 2018, em uma participação especial na novela "Tempo de Amar".

5- Pitty Webo

A atriz que interpretou Bebel Gilberto na série “Por Toda a Minha Vida” da rede Globo, participou de 8 trabalhos na TV, contando com novelas e séries. Ela tornou-se conhecida por interpretar a personagem Marcinha na telenovela “Mulheres Apaixonadas". O seu último trabalho na televisão foi em 2009. Pitty revelou que desde que sua filha Lucy, de 5 anos, nasceu, ela se dedica somente ao teatro.

6- Paula Picarelli

Paula Picarelli viveu a personagem Rafaela, que fazia par romântico com Clara (Alinne Moraes). O casal de estudantes fez tanto sucesso que Manoel Carlos fez o Brasil amar um casal de lésbicas em pleno 2003, no horário nobre. Ao contrário de Alinne Moraes, a loira não firmou carreira em novelas, mas seguiu na TV: apresentou por 8 anos o programa "Entrelinhas", na TV Cultura, e esteve nas séries "Psi" (2014, da HBO) e a infantojuvenil "Escola de Gênio" (desde 2018, do Gloob). 

7- Victor Cugula

Victor Cogula iniciou na TV aos 7 anos, como ator mirim. Ele viveu o personagem Lucas, filho de Téo (Tony Ramos). Na novela, ele era parceiro de cena de Bruna Marquezine, que vivia a personagem Salete. Aos 24 anos, ele deixou de ser ator e se formou em publicidade e propaganda. Victor preferiu viver uma vida longe da televisão, no anonimato, e praticando esportes radicais. 

8- Rafael Calomeni 

A estreia de Rafael Calomeni na televisão foi vivendo o personagem  Expedito, que fazia par amoroso com a personagem de Susana Vieira. Após a trama, ele atuou em outros projetos da Globo, como "América" (2005) e "Sob Nova Direção" (2006), e depois ffoi para a Record, em 2009. O último trabalho dele na TV foi em "Milagres de Jesus" (2014). Hoje, Calomeni atua mais por trás das câmeras. Ele já dirigiu webséries e, no fim do ano passado, começou a trabalhar em seu primeiro filme como diretor, "Horizonte".

9- Leonardo Miggiorin

Leonardo Miggiorin foi escalado por Manoel Carlos para viver o personagem Rodrigo, um jovem que era revoltado com o pai por este não ter dado atenção à doença de sua mãe. Miggiorin roubou a cena logo nos primeiros capítulos, garantindo o sucesso do personagem. Desde então, ele participou de "Senhora do Destino" (2004),  "Cobras & Lagartos" (2006) e muitos outros, mas sua última novela na Globo foi "Malhação", em 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário