Páginas

Pesquisar este blog

quarta-feira, 9 de setembro de 2020

5 curiosidades sobre a raça Yorkshire Terrier

raça Yorkshire Terrier é oriunda da Grã-Bretanha. Foi vista pela primeira vez em torno dos anos 1850. Sua criação no século 19, no condado de York, tinha como objetivo ter um cão de pequeno porte para ser utilizado na caça subterrânea de pequenos animais, como conta Andrea Bueno Lorusso, proprietária do Canil Luna Peina. "Com o passar do tempo, a raça foi perdendo a sua característica de caça tornando-se um cão para companhia" informa. Mas sua alma caçadora ainda habita aquele corpinho diminuto, mesmo dentro da nossa casa.

Qual o tamanho médio de um cão da raça Yorkshire?

É um cão de porte pequeno, com seu peso de até 3,2 kg e altura de cernelha (das patas até a nuca) em média de 23 cm. Sua pelagem é longa com o pelo pendendo completamente reto e uniformemente para baixo, com a textura fina, sedosa e brilhante, nunca lanoso. Sua coloração é Azul Aço e Castanho. Quando filhotes apresentam cor azul aço escuro e o fulvo, somente após 18 meses de vida que a sua coloração é totalmente definida. Suas orelhas são pequenas, em forma de "V", portadas eretas, sem serem muito afastadas. "Não é feito nenhum tipo de procedimento cirúrgico para que as orelhas fiquem em pé" pontua Andrea.
Segundo a criadora, não existe a classificação de micro/mini no Yorkshire. "Sua classificação padrão quanto ao peso é de até 3,2 kg. Em eventuais ninhadas nascem filhotes que quando adultos serão menores que o padrão". Por isso, fuja de propagandas enganosas!
Em termos comportamentais, o cão da raça Yorkshire é muito inteligente, se adapta bem a qualquer tipo de ambiente e à rotina da casa. "O York é bem brincalhão, companheiro, atento e alegre".
filhote de yorkshire© Fornecido por Estadão filhote de yorkshire
O cão adulto pesa em torno dos 3,2 kg - Foto: Canil Luna Piena

Quais são os tipos de Yorkshire?

Segundo Andrea, o Yorkshire Terrier é uma única raça, não havendo outros tipos. "Existem as raças que são derivadas dele, porém distintas, como o caso do Biewer Terrier". Aponta.
Yorkshire Terrier e o Biewer Terrier apesar de serem facilmente confundidas, são raças distintas. O Biewer é uma raça derivada do Yorkshire. A principal diferença é na coloração e textura do pelo. "Ainda não é uma raça tão popularmente conhecida como o Yorkshire, havendo assim conhecimentos errôneos sobre a raça, a começar pelo seu nome que não é Yorkshire Biewer Terrier e sim somente Biewer Terrier e também de sua descendência que não é da mistura de um Yorkshire com outras raças" alerta.
cachorro yorkshire© Fornecido por Estadão cachorro yorkshire
Cuidados com os filhotes falsos! - Foto: Canil Luna Piena

Filhotes de Yorkshire falsos

Não é incomum ouvirmos ou lermos sobre um cachorro que foi vendido como sendo da raça Yorkshire, mas na verdade não tinha raça definida. Como o filhote é pequeno e com coloração escura, muitos "falsos criadores" se aproveitam do imenso desejo das pessoas adquirirem um cão dessa raça.
Segundo Andrea, isso acontece pelo fato das pessoas incentivarem a compra/venda de cães com preços muito abaixo da média, na qual o "canil" não tem como garantir uma boa estrutura para suas matrizes e padreadores, nem uma boa linhagem de sangue e genética de seus filhotes. Muitas vezes até cruzando raças diferentes entre si. "Existem muitos gastos que um criador responsável tem, como, acompanhamento gestacional das matrizes, utilização somente de rações super premium, vacinas importadas, funcionários exclusivos do canil, veterinários, uma estrutura adequada para o melhor conforto e saúde dos cães adultos e dos filhotes, dedicação em tempo integral para os cães etc" avalia Andrea.
Dessa forma, desconfie de filhotes vendidos a baixo custo. Busque conhecer o local onde os animais são criados. Peça para ver a mãe e o pai do filhote. São medidas simples que aumentam a chance de ter um animal com boa origem e linhagem.
yorkshire© Fornecido por Estadão yorkshire
É preciso escovar diariamente - Foto: Canil Luna Piena

Quais os cuidados com o cão da raça Yorkshire?

Caso o tutor opte por manter a pelagem do Yorkshire longa, é necessária a escovação diária de seus pelos, para que não criem nós. Caso opte por manter a pelagem curta, deverá ser feito cortes do pelo somente na tesoura e nunca na máquina de tosa, como enfatiza Andrea.
Apesar desse cuidado com o pelo, o Yorkshire não requer nenhum cuidado especial. Mas é de extrema importância utilizar somente rações de boa qualidade, fazer visitas regulares ao veterinário, para garantir uma vida saudável e sua maior longevidade, e dar sempre muito amor e carinho.
Mas não esqueça daquela alma de caçador! Se você não oferecer um ambiente rico em passeio, interação com outros animais, brinquedos adequados, você pode vir a ter questões comportamentais, como latidos excessivos.
"Por serem cães extremamente inteligentes, leais, dóceis e de fácil adaptação não se existe um único tipo de família ideal. Eles conseguem se adaptar a famílias com crianças, sendo muito brincalhões e dóceis, e em famílias que tenham somente adultos ou idosos, por serem muito leais e companheiros" confessa Andrea.
Para finalizar, Andrea diz que quem tem um Yorkshire, nunca mais consegue ficar sem esse adorável companheiro.
Vamos ao resumo sobre cães da raça Yorkshire:
  • Não existe Yorkshire mini ou micro
  • É um cão com bastante energia, devido à sua linhagem
  • Precisam de escovação diária
  • Para a orelha ficar em pé, não é feito nenhum tipo de cirurgia
  • São muito companheiros, dóceis e brincalhões
Luiza Cervenka de Assis

Estadão

fonte:msn

Nenhum comentário:

Postar um comentário