Páginas

Pesquisar este blog

quarta-feira, 16 de setembro de 2020

De volta à Libertadores, São Paulo busca repetir roteiro da vitória sobre a LDU
Depois de mais de seis meses, o São Paulo voltará a atuar pela Libertadores nesta quinta-feira. A equipe comandada por Fernando Diniz recebe o River Plate, no Morumbi, às 19h, em jogo fundamental para a classificação do grupo D, que está embolado. Para sair vitorioso, o Tricolor se espelha na vitória sobre a LDU, em março deste ano.
A partida contra os equatorianos foi válida pela segunda rodada da Libertadores. O São Paulo vinha de uma derrota de virada dolorida para o Binacional, no Peru, e precisava dar a volta por cima no Morumbi. Contanto com o apoio da torcida, o time fez aquela que ficou marcada como a melhor performance da temporada.
Com muita confiança, o Tricolor dominou amplamente a LDU, além de não ter sofrido defensivamente. A equipe marcou dois gols nos 15 minutos iniciais, com Reinaldo e Daniel Alves, e fechou o placar com Igor Gomes, no segundo tempo. O jogo foi a primeira e maior demonstração de força da equipe no ano.
Após o duelo com os equatorianos, Diniz não poupou elogios para a atuação do São Paulo. O treinador destacou a capacidade que o time mostrou de conciliar um futebol vistoso com um bom resultado.
“Eu sou prestador de serviço e tento passar o melhor. A simbiose que aconteceu hoje… eu me sinto muito realizado, porque o jogador está jogando bem, jogando bonito e terminando no gol. Jogar bonito e fazer o gol aconteceu hoje. O time jogou bonito e perto de fazer o gol. Foram quatro bolas no gol e três gols, mas tivemos muitas oportunidades. E o sistema defensivo foi praticamente impecável, o Volpi quase não fez nenhuma defesa contra um equipe forte que é a LDU”, analisou o técnico.
Já durante a paralisação, Pablo concedeu entrevista exclusiva ao programa Gazeta Esportiva, da TV Gazeta, e elegeu a vitória sobre a LDU como a partida exemplar do São Paulo na temporada.
“A gente vivia um grande momento antes da paralisação por conta da pandemia. Fizemos um grande jogo contra a LDU, marcou muito pelo ambiente, pelo clima com os torcedores. Foi um jogo com a cara do São Paulo, confiante, jogando com posse de bola, tentando massacrar o adversário, criando muitas chances de gol, marcando lá em cima para tentar roubar a bola mais próximo do gol”, disse o atacante.
Vale lembrar que todos os times do grupo D da Libertadores somam três pontos após duas rodadas disputadas. Por conta do critério de saldo de gols, o São Paulo está na segunda colocação, enquanto o River Plate é o líder da chave.
Gazeta Esportiva

Nenhum comentário:

Postar um comentário