Páginas

Pesquisar este blog

terça-feira, 6 de outubro de 2020

 

Angélica explica o real motivo da ausência de Mara Maravilha em grupo com Xuxa e Eliana

RD1
Angélica
Angélica voltou a falar sobre a relação com Mara Maravilha (Imagens: Divulgação – Globo – SBT/ Montagem – RD1)

Angélica falou mais uma vez sobre a relação com Mara Maravilha. Uma suposta briga entre as duas apresentadoras voltar a vir à tona após um encontro que a loira teve com Xuxa e Eliana. As três possuem um grupo no WhatsApp há alguns anos.

Questionada sobre a pressão que os fãs da ex-Fofocalizando fizeram para o trio de loiras colocarem Mara no grupo, a global desabafou ao jornal Extra: “Essa história da Mara querer entrar no grupo nunca foi verdade. Não sei de onde saiu isso. Mas a gente nem tem contato”.

“O grupo existe, porque eu, Xuxa e Eliana fizemos um comercial juntas e nos aproximamos muito nesse trabalho. Mas é só isso. Não é o grupo das apresentadoras infantis. É um grupo das apresentadoras que têm uma história juntas e uma amizade”, confessou a famosa.

A esposa de Luciano Huck também garantiu que nunca houve uma briga com Mara Maravilha: “Essa pseudobriga com a Mara não existe. E nunca existiu. Eu torço por ela. É uma mulher guerreira, assim como nós. Fez parte da mesma geração e está aí batalhando pelas coisas e o espaço dela. Não tem motivo para a gente estar aqui criticando ou não querendo o bem dela”.

Angélica ainda disse que no grupo com Xuxa e Eliana rola de um tudo. “A gente fala de tudo. Da situação do país, dos filhos, dos maridos. No começo, quando estávamos nos conhecendo mais intimamente, até nos surpreendíamos uma com a outra. Mas uma coisa legal entre a gente é que temos um respeito muito grande uma pela opinião da outra. Só que falamos muita besteira também”, afirmou.

Na entrevista, a famosa ainda ressaltou que não descarta aumentar a família, apesar de ter “fechado a fábrica” há sete anos: “Sobre a adoção, sempre quis isso. No descarto, não. Eu tenho três filhos, mas, se bater à minha porta essa vontade um pouco mais intensa ou se a ocasião acontecer, eu sou muito aberta à ideia. Na verdade, tenho a sensação de que isso pode acontecer”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário