Páginas

Pesquisar este blog

terça-feira, 10 de novembro de 2020

Corinthians anuncia a contratação do atacante Jonathan Cafú

Foto: Divulgação

Atacante de 29 anos chega para ser uma opção de velocidade pelos lados do campo
Por Redação do ge — São Paulo
O Corinthians anunciou nesta segunda-feira a contratação do atacante Jonathan Cafú, de 29 anos.
Livre depois de rescindir com o Bordeaux, da França, que era dono de seus direitos, e com o Al-Hazm, da Arábia Saudita, onde estava emprestado desde janeiro, o jogador chega ao Timão para um contrato válido até dezembro de 2023.
Na negociação, o Timão ficou com 70% dos direitos econômicos do jogador.
A semana de treinamentos indicará se o atacante já poderá ir ao menos para o banco de reservas contra o Atlético-MG, no próximo sábado, pelo Brasileirão. Ele já teve seu nome publicado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF.
O Corinthians viu em Cafú uma oportunidade de mercado. Segundo pessoas do clube, o jogador já contava com a aprovação do ex-técnico Tiago Nunes e de sua comissão, mas as condições para contratá-lo se tornaram mais apropriadas apenas nesta reta final de ano.
O atual técnico Vagner Mancini também quis a contratação. Desta forma, Cafú chega com a aprovação da comissão técnica. Com ele, o clube tentar suprir a necessidade de um atacante rápido pelas beiradas do campo, algo que o Timão busca há meses e não vinha encontrando.
Antes de Cafú, o Corinthians contratou outros 12 atletas no ano: Luan, Sidcley (hoje afastado), Cantillo, Davó, Yony González (devolvido depois ao Benfica), Éderson, Jô, Léo Natel, Otero, Cazares, Fábio Santos e Jemerson.
Quem é?
Destaque da Ponte Preta na Série B de 2014, Cafú chegou ao São Paulo no ano seguinte, tendo 50% dos direitos comprados por R$ 3 milhões. Seis meses depois, foi vendido ao Ludogorets, da Bulgária, por R$ 6,2 milhões.
Foram três temporadas na Bulgária até o acerto com o Bordeaux na temporada 2017/2018. No ano seguinte, foi cedido ao Estrela Vermelha de Belgrado.
Pelo Al-Hazm, onde chegou em janeiro, participou de 15 partidas e fez dois gols. Ele é agenciado pela "Casa Soccer", empresa que cuida da carreira de Léo Natel e Marllon, e que intermediou a vinda de jogadores como Yony González e Victor Cantillo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário