Páginas

Pesquisar este blog

quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Rapaz que alegou ter sofrido tentativa de homicídio no Jardim Iguaçu confessa à Polícia Civil que disparo que o atingiu foi de sua própria arma

Foto: Polícia Civil

Jovem, de 25 anos, contou inicialmente que o tiro teria vindo de dentro de um carro, enquanto estava na frente da casa de seus pais, no dia 25 de outubro.
Por G1 Presidente Prudente
O rapaz, de 25 anos, que declarou à Polícia Civil ter sofrido uma tentativa de homicídio no dia 25 de outubro, enquanto estava na frente da casa dos pais, no Jardim Iguaçu, em Presidente Prudente, confessou que na verdade se feriu com a própria arma, que estava em sua cintura e disparou acidentalmente, atingindo sua região abdominal.
O delegado responsável pelas investigações, Claudinei Alves, disse ao G1 nesta quarta-feira (11), que o rapaz confessou o disparo acidental durante as oitivas.
Ainda conforme informou o delegado, o jovem alegou que a arma era de sua propriedade e que havia adquirido no exterior. Depois do disparo, o rapaz jogou o objeto em um rio, mas não especificou o local exato.
"Com o depoimento dele, após a abertura do inquérito policial, nós descobrimos que não se tratava de uma tentativa de homicídio e sim um manuseio irregular da arma de fogo", explicou Alves ao G1.
O delegado ainda disse que revistas foram feitas nas residências do rapaz e dos pais dele, mas nada de ilícito foi encontrado.
A princípio, Alves falou ao G1 que o rapaz vai responder em liberdade por comunicação falsa de crime.
As investigações sobre o caso continuam.
Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário