Páginas

Pesquisar este blog

10/01/21

 

Jovem que fugiu da Guerra na Síria viraliza com foto de antes e depois

Por: Extra 
Osama Abou Hajar, de 27 anos, conseguiu refúgio na Irlanda onde se formou em Engenharia de Software
Osama Abou Hajar, de 27 anos, conseguiu refúgio na Irlanda onde se formou em Engenharia de Software Foto: Reprodução/Redes Sociais
Foto: Reprodução/Redes Sociais


A história inspiradora de um refugiado viralizou nas redes sociais. Osama Abou Hajar, de 27 anos, fugiu da Guerra na Síria em 2013 após um bombardeio destruir sua cidade natal, Maarate Anumane. Antes do conflito, ele cursava engenharia elétrica e mecânica na Universidade de Alepo.

Osama fugiu para o Líbano com sua família e depois de um ano eles se mudaram para a Irlanda com o apoio do programa de reassentamento do Alto Comissariado das Nações Unidas. Na época, ele apenas sabia algumas palavras em inglês. No ano seguinte, se matriculou em um curso de programação de computadores na Escola de Negócios de Dublin. Em 2016, conseguiu ser aprovado para o curso de engenharia de software no Instituto de Tecnologia de Carlow.

"Fomos o primeiro grupo sírio a vir para a Irlanda. Quando cheguei, sabia algumas palavras em inglês, mas nunca havia pronunciado. Mas eu tinha um objetivo na cabeça: entrar na faculdade e conseguir um emprego em uma grande empresa", disse ao jornal "Mirror".

O tão sonhado diploma veio em novembro de 2020 e o emprego chegou em seguida, após ser aprovado para trabalhar na Ericsson, uma das líderes mundiais no setor de telecomunicação. Não houve cerimônia presencial de formatura por conta da pandemia de Covid-19, mas o jovem fez questão de marcar o momento com uma foto de beca do lado de fora da universidade.

"17 milhões de pessoas viram o post no LinkedIn e agora tem mais de 500 mil curtidas. Compartilhei minha comemoração com o mundo, estou muito feliz. Agora, acredito ser meu dever ficar na Irlanda e retribuir. Quero construir uma família aqui e viver uma vida em paz", ressaltou.

fonte:extra.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário