Páginas

Pesquisar este blog

28/01/21

Manifestação pede mais leitos para região de Prudente

Pode ser uma imagem de texto que diz "Ação de mobilização, manifestação em busca de leitos de UTI para Região de Pres Prudente. Sexta dia 29 janeiro Horário: 09h Local: PROLONGAMENTO DA CEL MARCONDES Não teremos organizador, todos os participantes são responsáveis por suas atitudes. PRUDENTE SEM LEITO ESTÁ MORRENDO"

Foto: Reprodução/WhatsApp

Movimento foi iniciado após o Governo do Estado de São Paulo rebaixar o DRS-11 (Departamento Regional de Saúde) para a fase vermelha, na última sexta-feira
REGIÃO - THIAGO MORELLO de O Imparcial de Presidente Prudente
Está programada para ocorrer amanhã, uma ação de mobilização e manifestação em busca de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para a região de Presidente Prudente . A ideia, que tem sido divulgada nas redes sociais, sem nomear organização, veio após o governo do Estado de São Paulo rebaixar o DRS-11 (Departamento Regional de Saúde) para a fase vermelha, na última sexta-feira.
Como apurado pela reportagem, o encontro deve ocorrer no prolongamento da Avenida Coronel José Soares Marcondes, por volta das 9h. O convite à população que circula nas redes sociais intitula o movimento como “Prudente sem leito está morrendo”.
Em resposta, a Secretaria de Estado da Saúde diz que dobrou a capacidade de leitos UTI Covid no HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo de Presidente Prudente em dezembro, passando de 10 para 20 leitos. “Haverá uma nova ampliação de mais 10 leitos deste tipo e outros 40 de enfermaria na mesma unidade de saúde”, completa.
Ademais, a pasta estadual reforça que também renovou o convênio com o HRCPP (Hospital Regional do Câncer de Presidente Prudente), uma medida que visa garantir atendimento a pacientes em tratamento oncológico e também de outras patologias que não seja Covid-19, permitindo que outros hospitais da região atendam casos do novo coronavírus. “Por meio dele, a Secretaria Estadual de Saúde custeará a manutenção da oferta de 80 leitos clínicos e 10 leitos de UTI destinados a atendimento de pacientes oncológicos e de outras patologias de média complexidade”, detalha.
A Secretaria de Estado da Saúde ainda auxiliou na duplicação da capacidade de Terapia Intensiva da Santa Casa de Misericórdia de Presidente Prudente, que resultou em 10 novos leitos de UTI, ainda de acordo com o Estado.
Medidas de prevenção
O aumento dos leitos deve andar lado a lado com a prudência da população em adotar as medidas de prevenção que buscam evitar a proliferação do vírus. Desta forma, o governo estadual lembra que com o recrudescimento da pandemia em diversos países, inclusive no Brasil, é importante reforçar que o respeito às recomendações do Centro de Contingência e ao Plano São Paulo, bem como todos os protocolos sanitários, são fundamentais para evitar a transmissão e, consequentemente, que mais pessoas adoeçam e necessitem de atendimento hospitalar. “A Secretaria insiste na importância da colaboração da população para o enfrentamento da pandemia”, pontua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário