Páginas

Pesquisar este blog

10/01/21

 

Raul Gazolla garante que amigo armou plano para matar Guilherme de Pádua


Paulo Carvalho/RD1

Raul Gazolla
Raul Gazolla conta história de amigo contraventor (Imagem: Divulgação / Globo)

Raul Gazolla contou em entrevista a Júnior Coimbra, do canal Rap 77, que um amigo planejou a morte de Guilherme de Pádua, um dos responsáveis pelo assassinato da atriz Daniella Perez em 1992.

Com 65 anos, o ator atualmente no ar na edição especial de A Força do Querer contou que a ideia do amigo era vingá-lo pela morte da mulher.

“Eu tinha um amigo que era contraventor. Quando ele soube do caso não foi me visitar, não foi no enterro”, recordou o famoso. Dias depois, ele recebeu uma visita inesperada de um dos comparsas do amigo.

“Ele mandou me chamar na casa dele e falou: ‘Gazolla, estou mandando descer todas as pessoas que conheço e a gente vai explodir a 16ª Delegacia e matar o cara, porque ninguém faz isso com mulher de amigo nosso'”, afirmou.

Gazolla convenceu o colega a desistir do plano duas horas depois. “Foi porque sou gente boa? Não, mas porque sabia que a história estava mal contada, que tinha mais coisa aí”, pensou na época.

“O rapaz [Guilherme] precisava viver para contar a verdade. Depois de duas horas ele deixou correr na Justiça. Além do mais, quando você explode a 16ª para matar alguém, você vai matar inocentes. Eu não posso dormir com esse barulho nessa cabeça”, declarou

Por causa do assassinato da esposa, Raul Gazolla enfrentou graves problemas emocionais, quatro infartos e muita dificuldade em seu retorno ao trabalho. Hoje, o incômodo se resume a frieza de Guilherme de Pádua, algo visto em entrevistas.

“Ele sempre veio a público e disse ‘aconteceu o que deveria acontecer’. Nunca disse ‘que merda que eu fiz’, nem ele nem a mulher. Então, eu rezo todos os dias para que a gente não se encontre”, ameaçou.

“Todas as entrevistas que vi dele ele nunca se arrependeu”, destacou o veterano. “O que ele carrega dentro dele é ‘perdi a oportunidade de continuar sendo ator’, que era tudo pra ele”, manifestou.

Confira:


Neste bate papo franco, Júnior Coimbra conversa com Raul Gazolla sobre as várias histórias de sua vida. Ele fala sobre os infartos que sofreu, sobre sua vida de atleta no jiu-jitsu, sobre o assassinato de Daniela Perez, aborda importantes questões sobre violência doméstica, relembra as gravações com Mick Jagger e muito mais. Gostou? Curta e compartilhe com seus amigos! Não esqueça de dar seu “Like”! Siga minhas redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/canalrap77/ Twitter: https://twitter.com/canalrap77 Facebook: https://www.facebook.com/canalrap77

Nenhum comentário:

Postar um comentário