Páginas

Pesquisar este blog

06/02/21

Casal é assassinado a golpes de garrafa de vidro no pescoço, na ‘Praça da Fonte Luminosa’, em Regente Feijó

Pode ser uma imagem de árvore e ao ar livre

Foto: Reprodução/Google Street View

Segundo a Polícia Civil, o duplo homicídio ocorreu na madrugada deste sábado (6), durante uma confusão generalizada iniciada após uma discussão e que envolveu várias pessoas que estavam no local, onde consumiam bebidas alcoólicas. Vítimas, de 40 e 35 anos, moravam na zona rural.
Por G1 Presidente Prudente
Um casal foi assassinado na madrugada deste sábado (6) no local conhecido popularmente como “Praça da Fonte Luminosa”, no Centro de Regente Feijó (SP).
As vítimas, segundo a Polícia Civil, foram agredidas na região do pescoço com golpes de garrafa de vidro desferidos por um homem que fugiu após o crime, mas acabou preso na manhã deste sábado (6).
Ambas as vítimas foram socorridas e levadas ao Hospital e Maternidade Regional de Regente Feijó para receber atendimento médico, mas não resistiram à gravidade dos ferimentos e morreram.
De acordo com o delegado titular da Polícia Civil em Regente Feijó, Marcelo Magalhães, o duplo homicídio ocorreu durante uma confusão generalizada iniciada após uma discussão e que envolveu várias pessoas que estavam na praça, onde consumiam bebidas alcoólicas, entre 1h30 e 2h.
A Polícia Civil apurou que o autor do crime quebrou uma garrafa de vidro e golpeou as duas vítimas no pescoço com o objeto feito de "arma".
Magalhães, que é o responsável pelas investigações sobre o caso, afirmou ao G1 que a Polícia Civil deu início às diligências para obter informações e provas que levassem à identificação e à prisão do autor do crime, como a busca de imagens de câmeras de segurança e a localização de testemunhas que pudessem ajudar a esclarecer o ocorrido.
O suspeito foi preso em flagrante na manhã deste sábado (6), depois de ser encontrado pelos policiais escondido dentro de um guarda-roupas, na casa de um parente, e, segundo Magalhães, confessou o crime.
Ele já havia trocado as roupas que usava no momento do crime, mas as peças foram encontradas em um matagal pelos policiais.
Após a prisão, segundo Magalhães, ele foi submetido ao exame de corpo de delito e autuado em flagrante pelo crime de duplo homicídio qualificado.
"O casal estava na praça com diversas pessoas da família e envolveu-se na discussão, mas o autor não tem vínculo com as vítimas", salientou Magalhães ao G1.
O marido, de 40 anos, e a esposa, de 35 anos, eram moradores do bairro Jacutinga, que fica na zona rural de Regente Feijó.
Segundo a Polícia Civil, a confusão e as agressões tiveram início na praça e só terminaram em frente a uma loja de conveniência que fica ao lado, na mesma região central da cidade.
Entre as diligências, o delegado solicitou um laudo necroscópico das vítimas para identificar as lesões sofridas pelo casal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário