Páginas

Pesquisar este blog

20/02/21

Secretaria da Administração Penitenciária suspende visitas em mais dois presídios do Oeste Paulista


Pode ser uma imagem de ao ar livre

Foto: TV Fronteira

Medida atinge, neste fim de semana, as unidades prisionais de Dracena e Junqueirópolis. Penitenciária de Flórida Paulista está com visitação suspensa desde a semana passada.
Por G1 Presidente Prudente
A Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo (SAP) informou na tarde desta sexta-feira (19) que decidiu suspender as visitas presenciais em mais duas unidades prisionais do Oeste Paulista. A medida atinge as Penitenciárias de Dracena e Junqueirópolis.
A SAP informou que tem suspendido, temporariamente, as visitas a detentos somente em unidades com confirmação de casos e após rigorosa análise técnica em conjunto com o diretor da unidade.
“Excepcionalmente, a fim de contribuir com o executivo municipal de Dracena e Junqueirópolis nas medidas de enfrentamento ao contágio de Covid-19, as unidades prisionais localizadas nessas cidades deverão ter a visitação presencial suspensa nos dias 20 e 21 de fevereiro de 2021”, explicou a secretaria.
Na Penitenciária de Flórida Paulista, as visitas seguem suspensas desde a semana passada.
A SAP destacou que o protocolo de retomada das visitas em presídios de forma gradual e controlada cumpre rigorosamente todas as determinações do Centro de Contingência do Coronavírus, inclusive para a fase vermelha do Plano São Paulo.
“A taxa de letalidade entre presos atualmente está em 0,30%, muito abaixo da população não privada de liberdade”, concluiu a secretaria.
Visitas suspensas pela Prefeitura
Nesta quinta-feira (18), a Prefeitura de Dracena havia decidido suspender as visitas na Penitenciária da cidade. A medida foi adotada através de um decreto como forma de tentar conter o aumento de casos de Covid-19 no município.
A secretária municipal de Assuntos Jurídicos, Marli Biscaino Botelho Affonso, informou que a Prefeitura está amparada por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) a respeito do assunto.
Na ocasião, a SAP havia informado que as visitas nas unidades de Dracena e Junqueirópolis estavam mantidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário