Páginas

Pesquisar este blog

07/03/21

 Comprador da Decasa pretende colocar usina para funcionar em outubro, diz Sobral

conteúdo: Jornal Tribuna Livre /www.tribunalivrepv.com.br/news.

Conforme informação transmitida pelo prefeito de Marabá Paulista, Aparecido Sobral (Psol), o empresário que adquiriu, em leilão, a usina Decasa quer colocar a indústria para funcionar ainda neste ano, provavelmente em outubro.O empresário, que é pernambucano, informou ainda que pretende investir em mais duas usinas na região, além de fazer aquisição de 5 mil hectares de terras para plantio da cana.
Conforme Sobral, a usina deverá produzir álcool e açúcar, inclusive para o mercado externo, no caso a China, com contrato já pré-estabelecido. 
Nova unidade de presídio. 
Cido adiantou ao Tribuna Livre que estará em São Paulo nesta terça-feira, 09, para uma reunião na SAP (Secretaria de Administração Penitenciária). O assunto a ser tratado é a construção de uma segunda unidade prisional no município, ao lado da primeira.
Conforme Sobral, a construção da nova unidade prisional está bem encaminhada e será importante para alavancar a economia e geração de emprego da cidade e região.
Ponte da Areia Branca
O prefeito marabaense anunciou que a defesa civil já liberou recursos para a construção da ponte da Areia Branca. A ponte, de 13 metros, será de concreto e deverá ser entregue no prazo de 40 dias.
Outra boa notícia dada pelo prefeito é a recuperação da cabeceira da ponte sobre o rio Santo Anastácio, na SP 020. Também conhecida por ponte da Dourada, a travessia está interrompida há alguns anos com registro de vários acidentes, inclusive com óbitos.   
Dívidas quitadas
Sobral vem quitando dívidas herdadas de administrações anteriores. Com o CADIN (Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados de Órgãos e Entidades Estaduais), foi quitada uma pendência de R$ 400 mil. 
Além dessa dívida, Sobral pagou dois precatórios, um de R$ 154 mil referente a um acidente com ônibus da municipalidade, e outro de R$ 257 mil, por questões trabalhistas de hora extra em favor de dois médicos e uma enfermeira.
Ainda sobre dívidas do município, Sobral negociou parcelamento com a Sabesp, cujo montante atinge R$ 374 mil. 
Também negociou parcelamento de dívidas com o INSS, cujo total do débito ultrapassa a R$ 1 milhão.Falta ainda negociar uma dívida com a Electro,concessionária de energia que serve o município, no montante de R$111 mil.


Nenhum comentário:

Postar um comentário