Páginas

Pesquisar este blog

03/03/21

Sobrevivente de tragédia da Chape volta a sofrer acidente grave, mas tem ferimentos leves

Pode ser uma imagem de 1 pessoa

Foto: Arquivo pessoal

Boliviano Erwin Tumiri estava em ônibus que se acidentou no caminho entre Cochabamba e Santa Cruz de La Sierra e deixou 21 mortos
Por Redação do ge — de Chapecó (SC)
Erwin Tumiri, um dos seis sobreviventes da tragédia com o voo da Chapecoense, em 2016, voltou a se salvar de um grave acidente, desta vez terrestre. O boliviano estava em um ônibus que capotou em uma rodovia próximo a cidade de Ivirgarzama, na Bolívia, e deixou 21 vítimas fatais na madrugada desta terça-feira.
Segundo familiares, o técnico de tripulação teve lesões no joelho e arranhões nas costas, mas sem gravidade.
- Ele está estável, graças a Deus, mais uma vez ele foi salvo. Eu conversei com ele e ele disse que está bem. É com a força do Senhor, ele sempre cuida de nós e tem seu tempo - disse a irmã de Erwin, Lucia Tumiri, em entrevista ao jornal Los Tiempos.
Em 2016, Erwin Tumiri foi um dos seis sobreviventes na queda da aeronave da LaMia, que levava a delegação da Chapecoense para a final da Copa Sul-Americana. Ao todo 71 pessoas morreram na queda do avião.

Nenhum comentário:

Postar um comentário