Páginas

Pesquisar este blog

08/04/21

 

Verdade ou mito: uma mulher grávida come mesmo por dois? Nutricionista dá dicas de alimentação para gestantes

A Dra. Pollyana Guimarães deu uma sugestão de cardápio para as grávidas

MÁXIMA DIGITAL 

Nutricionista dá dicas de alimentação para gestantes
Nutricionista dá dicas de alimentação para gestantes - Freepik

Verdade ou mito: uma grávida come mesmo por dois? Conversamos com a nutricionista Dra. Pollyana Guimarães para entendermos melhor sobre as mudanças sofridas pelo corpo da mulher no período gestacional. 

A gestação é um processo de grande desafio químico e nutricional. O requerimento nutricional é alto, devido processo intenso de divisão e diferenciação celular para que o ocorra o desenvolvimento do embrião de forma plena.

A necessidades nutricionais de macronutrientes e micronutrieintes aumentam durante a gestação e lactação – com atenção especial em gestação múltiplas, obesidade e gravidez após cirurgia bariátrica.

MÁXIMA DIGITAL: Todo mundo já ouviu falar que mulher grávida come por dois. Verdade ou mito: uma mulher grávida come mesmo por dois?

POLLYANA GUIMARÃES:"Mito. Embora algumas gestantes realmente comem por dois. Mas o correto na gestação é ter um acompanhamento nutricional para ajustes da dieta nas fases da gestação.

O requerimento energético está aumentado na gravidez em função do aumento da taxa metabólica basal (TMB) para suportar o custo requerido para o crescimento e desenvolvimento dos produtos da concepção.

Em cada fase a gestante requer um custo energético diferente, as fases se dividem em 1º trimestre IG < 14 semanas, 2º trimestre IG - ≥ 14 a < 28 semanas e 3º trimestre IG ≥ 28 semanas.".

MÁXIMA: O que uma mulher grávida deve apostar na alimentação para sua saúde e do bebê?

DRA. POLLYANA:"A alimentação deve conter boas fontes de carboidratos (grãos integrais, raízes). Segundo a (IOM 2009) isso deverá representar 46 % a 65% das calorias diária. Os carboidratos fornecem energia (glicose) que é o principal substrato energético para o crescimento fetal.

As proteínas são importantes para o desenvolvimento fetal saudável, para garantir substratos necessários para a formação de enzimas, anticorpos, músculos e colágeno. A ingestão total de proteínas deve constituir 10% a 35% das calorias diárias. Ex: carnes magras, peixes, ovos, lácteos.

Lipídeos – a ingestão total de gorduras boas deve constituir 20% a 35% das calorias diárias. É um macronutriente importante na formação do sistema nervoso e no desenvolvimento do sistema visual. Ex: azeite, oleaginosas, alguns peixes ovos.

Não podem esquecer da ingestão de fibras para melhorar o transito intestinal e ajuda a melhorar a saciedade. Ex: vegetais, legumes, cereais integrais como aveia, psylium, frutas.

Alguns suplementos são fundamentais na gestação: Omega 3 (DHA), podendo também encontrar nos alimentos com peixes, nozes e linhaça.

Probióticos são microorganismos vivos, que administrados em quantidades adequadas, podem conferir inúmeros benefícios para a saúde intestinal sendo muito importante na gestação.

Vitaminas e minerais como:
Ácido fólico: espinafre, brócolis, couve, feijão.
Vitaminas B12: lácteos, ovos
Vitamina A: cenoura, abobora, iogurte, leite, ovos, manga
Vitamina D: Peixes oleosos como arenque, cavala, sardinhas, salmão, atum e também se expor ao sol.
Zinco: feijão, e oleaginosas com castanhas do Pará, Caju e Nozes, amendoim
Ferro: Feijão, ervilha, grão de bico, ovo, folhosos verde escuros.
Iodo: Mariscos e peixes de preferência de agua salgada, o sal iodado
Cálcio: lácteos em geral, vegetais verde escuros, gergelim
Colina: Ovos, leite e carnes.". 

MÁXIMA: O que ela deve evitar?

DRA. POLLYANA:"Alimentos industrializados em geral, ultra processados, bebidas açucaradas, bolachas recheadas e guloseimas, alimentos crus, ovos e peixes crus e carnes mal passadas, leites e queijos não pasteurizados, alimentos ricos em gorduras saturadas e diminuir o sal de cozinha/mesa, bebidas à base de cafeína (café e chás).".

MÁXIMA: O que é proibido para uma grávida?

DRA. POLLYANA:"Bebidas alcoólicas, adoçantes artificiais, Tabagismo, e vários tipos de chás.".

MÁXIMA: Existe algum horário que a mulher deve evitar comer ou grávidas estão liberadas para tudo?

DRA. POLLYANA:"Não necessariamente, o ideal é consumir diariamente os alimentos que forneçam todos os nutrientes necessários e principalmente respeitar a fome e saciedade. E a gestante não está liberada para tudo, é uma fase que requer cuidados específicos. A orientação é que a gestante mantenha o peso ideal estabelecido pelo médico e/ou nutricionista.".

MÁXIMA: E os desejos de grávida? Como funcionam?

DRA. POLLYANA:"Os desejos na gravidez são muito comuns e na sua grande maioria são vontades impulsivas e quase incontroláveis de comer alimentos com sabor e textura específicos, misturar alimentos que não são comuns de serem consumidos juntos. Os desejos manifestam-se na maioria das mulheres gravidas e podem ser causados por alterações hormonais ou por deficiências nutricionais. Os desejos podem variar de uma mulher para outra, no entanto, os mais comuns são por doces, sorvetes, chocolates, fast food, massas e etc.

Mas existem os desejos estranhos por alimentos não comestíveis, como tijolo, cinzas, parede, isso é um sinal de uma síndrome chamada picamalácia que é caracterizada por deficiência nutricional mais grave. Por isso é muito importante o acompanhamento médico e nutricional.

Em geral, os desejos das gestantes não são caprichos e devem ser atendidos, desde que não trazem prejuízos a gravidez e ao bebe. E em caso de dúvidas, consulte seu obstetra."

E não parou por aí! Dra. Pollyana também montou uma sugestão de cardápio adaptado para as gestantes. 

"Café da manhã:

1 Porção de frutas
1 porção de lácteos (Leite/queijos/iogurtes)
Ovos mexidos ou cozidos
Pães integrais ou de fermentação natural ou panqueca de banana e aveia ou tapioca.
1 copo de Suco verde

Colação:

1 fruta + 1 porção de castanhas ou mix de gergelim
Folhosos a vontade

Almoço:

1 porção de Arroz integral ou Parboilizado ou Purê de tubérculos
1 porção de proteína assada ou cozida (ave/peixe/boi/porco)
1 porção de leguminosas (feijão, lentilha, grão de bico)
1 porção de legumes variados

Lanche da tarde:

Vitamina de frutas + aveia
Ou
Iogurte natural + frutas

Jantar:

Salada variada
Legumes assados
1 porção carne branca
Ou
Sopa de legumes + quinoa em grãos
Ou
Omelete com vegetais". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário