Páginas

Pesquisar este blog

28/04/21

 

Letícia Colin vive uma dependente de crack na série ‘Onde está meu coração’: ‘Ela perde as rédeas da vida’

Por: Zean Bravo 
Amanda (Letícia Colin) em cena da série
Amanda (Letícia Colin) em cena da série

Protagonista da série “Onde está meu coração”, Letícia Colin interpreta Amanda, jovem médica nascida numa família de classe alta que perde totalmente o rumo por conta da dependência química. A produção, que chega na íntegra ao Globoplay na terça-feira, terá seu primeiro episódio exibido pela Rede Globo, na segunda-feira, após o “Tela quente”. Na história, Amanda é casada com o arquiteto Miguel (Daniel de Oliveira) e filha da executiva Sofia (Mariana Lima) com o médico David (Fábio Assunção). “Ela quer se provar uma médica tão boa quanto o pai e não aceita sua limitação, suas falhas, o limite da vida, o limite da Medicina. Amanda não dá conta da vida como todos nós porque é uma ilusão achar que temos esse controle. E ela transborda, perde as rédeas da vida”, avalia Letícia.

Escrita por George Moura e Sergio Goldenberg, os mesmos autores de “O canto da sereia” (2013) e “Onde nascem os fortes” (2018), a série, dirigida por Luísa Lima, revelará os dramas de toda uma família a partir da dependência química de sua protagonista. “As drogas circulam no nosso mundo social com muita fluidez, como o álcool e o cigarro, que são drogas legais”, alerta Letícia.

A produção abordará as dificuldades de recuperação da personagem, mas também pretende retratar uma trajetória de redenção. Para Letícia, Amanda é uma jovem sensível, inteligente e imperfeita como qualquer pessoa: “O ser humano é vulnerável, e isso é lindo. É o que faz a gente querer se encontrar, conhecer o outro, se identificar com o outro, abandonar as nossas defesas, pedir ajuda. A nossa capacidade de amar vem de ser vulnerável. E isso é o que nos fragiliza também, nos confunde, nos angustia, nos desencoraja, nos apequena, nos aprisiona quando a gente não sabe lidar com a realidade”.

Siga-me no Twitter @zeanbravo e no Instagram @zean.bravo

fonte;https://extra.globo.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário