Páginas

Pesquisar este blog


31/07/21

Aprenda truques simples para esquentar a casa e aliviar o frio intenso

 


Bymuratdeniz/Getty Images

Os dias ainda devem ficar bem frios nos próximos dias. Como esquentar a casa neste inverno:

CONFORTO AO DORMIR

Cortinas grossas feitas com materiais mais pesados, como sarja, ajudam no isolamento térmico ao proteger o ambiente do vento e diminuir a perda de calor. “Para quem pode investir, uma cabeceira de tecido também deixa o quarto mais quente”, diz a arquiteta Lorreine Claudio. “Em quarto de criança, se não tiver cabeceira estofada, dá para colocar almofadinhas na parede para proteger o corpo.”

COM DIREITO A LAREIRA

Ideais para serem usadas em qualquer cômodo da casa, as lareiras portáteis podem ser um investimento útil, aconchegante e charmoso. “Mas antes é importante checar com o fabricante se não é uma lareira meramente decorativa”, ressalta a arquiteta e professora de design Nyrlei Dias. Para todos os tipos de lareira, mesmo as ecológicas, também é necessário manter uma fresta da janela aberta, para promover a troca de ar no local.

PEQUENOS MACETES

No universo das gambiarras, vale quase tudo, principalmente na hora de improvisar um sistema de vedação nas portas e janelas. “Uma fita maior, como a silver tape, segura bem o vento”, exemplifica Lorreine. Os “rodinhos”, ou protetores de porta, são outra opção eficiente. “Dica de vó: aquecer a cama com secador embaixo do lençol vai evitar aquele choque térmico ao deitar na cama gelada. Para finalizar, prepare muito chá e chocolate quente.”

MUDANÇAS NA SALA

“Almofadas e mantas de lã no sofá trazem a sensação boa de aconchego e ajudam a manter o calor do corpo, assim como um tapete, porque até mesmo os pisos de madeira ficam gelados no inverno”, explica a arquiteta Lorreine Claudio. “Quanto mais tecido tiver, mais vai funcionar como isolante térmico.” Outra dica é afastar os móveis das paredes que têm contato direto com o vento e fechar as portas. “Reúna toda a família para assistir à Olimpíada na mesma TV! Aparelhos ligados geram calor e, com as portas fechadas, fica mais fácil manter a temperatura”, sugere Nyrlei.

NA TOMADA

Elétricos ou a óleo, os aquecedores são um bom investimento e podem custar a partir de 60 reais. “Mas o elétrico costuma secar muito o ambiente, e nesta época o tempo já costuma ser bastante seco”, pondera Lorreine. “Esse modelo engole muita energia”, destaca Nyrlei. “Tente esquentar só o ambiente onde estiver, com portas fechadas, e deixar o aquecedor em um local baixo.”

PERTO DO SOL

Para os mais friorentos, planejar-se na hora de procurar uma casa ou apartamento pode fazer toda a diferença. “Não escolha apartamentos com a maior parte das janelas na fachada sul, porque o sol dá uma inclinadinha para o norte no inverno e a área sul passa todo esse tempo sem receber insolação”, indica a arquiteta Nyrlei Dias. Casa com pé-direito alto também perde o calor mais rápido, segundo ela.

JANELAS ABERTAS

A luz do sol, neste período, vale ouro. “Apesar de ser rara no inverno, ela continua esquentando”, explica Lorreine. Nos quartos, é essencial manter as janelas e as cortinas abertas durante o dia, quando o ar é mais quente, e fechá-las assim que o tempo começar a esfriar. As frestas de janelas e portas podem ser um problema nesses espaços, e boas vedações diminuem a troca de ar à noite.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 04 de agosto de 2021, edição nº 2749

Humberto Abdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário