Páginas

Pesquisar este blog


12/01/22

Trio é preso após roubar sete funcionários de shopping com simulacro de arma de fogo

Nenhuma descrição de foto disponível.

Foto: Polícia Militar

Assalto foi na noite desta terça-feira (11), perto do Museu Municipal de Presidente Prudente (SP). Criminosos tentaram fugir, mas carro não tinha potência.
Por g1 Presidente Prudente
Três pessoas foram presas em flagrante por roubo, em Presidente Prudente (SP), nesta terça-feira (11). Segundo o Boletim de Ocorrência, armado com um simulacro de arma de fogo, o trio abordou sete pessoas e anunciou o crime.
Ainda segundo o registro policial, os três homens e as quatro mulheres, caminhavam pela Rua Doutor João Gonçalves Foz, no Jardim das Rosas, por volta das 22h40, perto do Museu Municipal.
Eles informaram que trabalham em um shopping perto do local do crime e que iriam até a casa de uma amiga para se trocarem e depois saírem. Contudo, durante o caminho, eles viram duas pessoas. A dupla usava blusa de frio com o capuz cobrindo parte do rosto.
Essas duas pessoas se aproximaram e uma portava uma arma de fogo. Elas anunciaram o roubo. Porém, inicialmente, as vítimas acharam que era uma "brincadeira, mas depois perceberam que era sério".
Os criminosos recolheram os objetos das vítimas e fugiram a pé, correndo em direção à Avenida Manoel Goulart, virando sentido ao Cristo Redentor.
Em seguida, as vítimas relataram que viram um motociclista que disse que viu a dupla entrar em um carro. Ele tentou seguir os dois, mas os perdeu de vista.
Foram levados das vítimas roupas, cartões bancários, documentos pessoais, telefones celulares, chaves, e dinheiro.
A Polícia Militar foi acionada e saiu em busca dos criminosos. Em patrulhamento pela Avenida Washington Luiz, perto da Rua Reverendo Coriolano, a equipe viu um carro com as mesmas características do usado para a fuga da dupla.
No automóvel, estavam três pessoas. Elas tentaram fugir, mas com a "falta de potência do veículo", acabaram desistindo e foram abordados. O carro era conduzido por uma mulher. No banco do passageiro da frente estava um homem e havia uma passageira atrás, que portava na cintura um simulacro de arma de fogo, tipo pistola.
No veículo ainda havia vários objetos, entre roupas, cartões bancários nominais, seis celulares, e R$ 134 em dinheiro.
Questionados, a motorista disse que apenas deu carona aos passageiros. A outra mulher permaneceu em silêncio. Já o homem confessou o roubo e disse que "estava precisando de dinheiro".
O trio, as vítimas e os objetos foram levados para a Delegacia Participativa da Polícia Civil. Na unidade policial, as três pessoas foram reconhecidas pelos funcionários do shopping como autores do assalto.
Os objetos foram devolvidos às vítimas. Consta no BO que os três presos possuem antecedentes criminais por crimes como roubo, corrupção de menores, lesão corporal, tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Eles têm 22, 24 e 27 anos.
Já as vítimas têm idades entre 19 e 23 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário