Páginas

Pesquisar este blog


14/01/22

EMPRESA RESPONSÁVEL PELA OBRA NA AVENIDA DO ESTADO PARTICIPA DE REUNIÃO NO GABINETE

Pode ser uma imagem de 7 pessoas, pessoas em pé e área interna

Durante a manhã desta quinta-feira (13), a Prefeita de Presidente Venceslau, Bárbara Vilches, esteve na avenida do Estado para conversar com moradores e avaliar os problemas causados pela forte chuva que caiu no final da tarde de quarta-feira (12).
A via passou recentemente por obra para instalação de galeria e o solo estava em fase de compactação para receber pedras sextavadas, mas uma cratera acabou formada no local.
Representantes da empresa responsável estiveram em contato com o Poder Executivo na referida via para explicar quais podem ser os procedimentos adotados a partir de agora. O terreno úmido não permite a operação com máquinas e o trabalho de manutenção deverá aguardar a melhora do tempo para ser executado.
Após o encontro na avenida do Estado, moradores da via, o dono da empresa responsável pela obra, integrantes do Departamento de Água e Esgoto (DAE), secretários municipais e o vereador Diogo Barbedo participaram de reunião no gabinete da Prefeitura com a prefeita Bárbara Vilches.
No encontro, a secretária de planejamento, Lívia Josué, explicou que o problema na avenida do Estado foi verificado no dia 1º de julho de 2021, após a abertura de uma cratera em uma residência localizada nessa avenida. Para resolver o problema, o Poder Executivo abriu mão de outras obras para trabalhar na avenida do Estado com recursos próprios.
Após a licitação, a empresa ganhadora começou a executar.
Durante os trabalhos, foi verificado que a tubulação estava mais profunda do que o esperado.
No começo de dezembro, a empresa responsável concluiu a obra de galeria de águas pluviais e aterro da tubulação na avenida do Estado, no cruzamento com a Rua Paraná. A empresa contratada pela Prefeitura realizou o trecho de galeria para fazer com que o fluxo de águas pluviais fosse desviado para passar por baixo da rua, possibilitando o fechamento do fluxo na rede de uma galeria que passa por baixo de imóveis. Foi colocada ainda uma nova tubulação de PVC no local com a finalidade de melhorar a rede de água e esgoto no bairro.
Os trabalhos de resolução de problema de erosão em imóveis foram desenvolvidos em conjunto pelas secretarias de Planejamento, Obras e Departamento de Água e Esgoto (DAE) com recursos próprios, em um investimento de R$ 148.064,87.
Na reunião, a empresa responsável pela obra escutou a população e se prontificou a resolver o problema o mais rápido possível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário