Páginas

Pesquisar este blog

11/07/21

Argentina vence Brasil no Maracanã, conquista a Copa América e quebra jejum de 28 anos sem título

Pode ser uma imagem de 3 pessoas e pessoas praticando esportes

foto:André Durão

Equipe conta com gol de Di Maria, ainda no primeiro tempo, e atuação inspirada de setor defensivo para chegar ao 15º troféu da competição, igualando ao Uruguai no topo do ranking
A Argentina é campeã da Copa América 2021! Mais segura defensivamente que o Brasil e com um belo gol de Angel Di Maria, ainda no primeiro tempo, a equipe venceu por 1 a 0, na noite deste sábado, no Maracanã, e chegou à 15ª taça do torneio continental. Agora, a Albiceleste é a maior campeã, ao lado do Uruguai. A seleção brasileira não consegue o bicampeonato e estaciona em nove taças, em terceiro no ranking.
Fim da seca
O troféu conquistado pela equipe de Lionel Scaloni colocou fim a uma longa espera da Argentina por títulos. A seleção albiceleste não vencia um torneio profissional havia 28 anos. A última taça, até então, era a da Copa América de 1993, quando superou o México na grande decisão do torneio realizado no Equador.
A América, enfim, é dele!
Acabou também a espera de Lionel Messi pelo primeiro título com a camisa da seleção argentina. Campeão de tudo com o Barcelona, o craque já havia sido vice-campeão da Copa América em 2007, 2015 e 2016, além de ter ficado também com o segundo lugar da Copa do Mundo de 2014, perdendo a decisão para a Alemanha, no próprio Maracanã.
Campeã invicta
A Argentina foi campeã invicta da Copa América. Na fase de grupos, conquistou três vitórias e um empate. Nas quartas, passou com facilidade pelo Equador, com 3 a 0. Na semifinal, sufoco e vitória nos pênaltis sobre a Colômbia. A equipe comandada por Lionel Scaloni marcou 12 gols (empatado com o Brasil como melhor ataque). Os dois times também levaram três gols cada, sendo dois na fase de grupos e um em duelos de mata-mata.
Fim da hegemonia em casa
Pela primeira vez na história, o Brasil não leva o título da Copa América sendo mandante do torneio. As outras edições disputadas no país foram em 1919, 1922, 1949, 1989 e 2019.
Quando voltam a jogar?
As duas seleções voltam a se reunir em menos de dois meses para disputarem as rodadas 9 e 10 das Eliminatórias para a Copa do Mundo. No início de setembro, a Argentina enfrentará Venezuela (fora) e Bolívia (em casa), enquanto o Brasil duelará com Chile (fora) e Peru (casa).

Nenhum comentário:

Postar um comentário