Páginas

Pesquisar este blog


03/09/21

 

Mulher perde puma com quem vivia em pequeno apartamento

Por: Fernando Moreira 
Puma Sasha vai viver em santuário no Arkansas
Puma Sasha vai viver em santuário no Arkansas Foto: Reprodução/Bronx Zoo
Foto: Reprodução/Bronx Zoo

Na última segunda-feira (30/8), uma operação envolvendo a polícia, o Departamento de Conservação Ambiental de Nova York (EUA), entidade de defesa dos direitos dos animais e o zoológico do Bronx retirou de um pequeno apartamento no mesmo bairro uma fêmea de puma, de 11 meses, que vivia no local com uma mulher.

A mulher que criava a felina, chamada Sasha, como um pet foi identificada como Miranda Rodriguez, de acordo com o "NY Times". Ela afirmou pensar ter condições de domesticar o animal, de 36 quilos e dentes afiados.

"Ela era como uma animal de estimação para mim. Estou em luto", desabafou a moradora.

Puma Sasha vai viver em santuário no Arkansas Foto: Reprodução/Bronx Zoo

Sasha foi levada ao santuário para animais resgatados Turpentine Creek, localizado em Arkansas. Exames não detectaram qualquer problema no estado do animal.

A polícia investiga agora como Miranda obteve o animal selvagem.

"As lágrimas da dona e os sons nervosos da puma enquanto a levamos embora dolorosamente exibem as muitas vítimas deste comércio horrendo e do mito de que os animais selvagens pertencem a qualquer lugar, exceto ao selvagem", disse Kelly Donithan, da entidade Humane Society, que participou da retirada de Sasha.

fonte:https://extra.globo.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário