Páginas

Pesquisar este blog


03/09/21

 

Ao lado de Queiroga, Bolsonaro ironiza e chama ministro de 'o novo demitido'

Ministro da Saúde desmentiu boatos de que teria pedido demissão

O ministro da saúde, Marcelo Queiroga e o presidente da República, Jair Bolsonaro falam à imprensa,após cerimônia de assinatura do termo de colaboração e transferência de tecnologia do laboratório AstraZeneca com a Fiocruz
O ministro da saúde, Marcelo Queiroga e o presidente da República, Jair Bolsonaro falam à imprensa,após cerimônia de assinatura do termo de colaboração e transferência de tecnologia do laboratório AstraZeneca com a Fiocruz - 
Brasília - O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) iniciou nesta quinta-feira (2), a transmissão semanal ao vivo ao lado do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, ironizando os boatos da demissão do chefe da pasta. "O novo demitido", disse Bolsonaro. "Isso aqui é mais um fake news, pô. Mais uma mentira. Eles tentam desestabilizar o governo o tempo todo", disse Bolsonaro.

Mais cedo, Queiroga havia desmentido os boatos de sua demissão. "Eu nem pedi demissão, nem vou pedir demissão. Estarei aqui no Ministério da Saúde até o dia que o presidente da República entender que sou útil à nação brasileira", afirmou em áudio encaminhado.

Durante a transmissão ao vivo, Queiroga comentou medidas de combate à covid-19 no País e anunciou que em breve o Brasil deve ultrapassar os Estados Unidos em proporção de brasileiros que cumpriram o calendário vacinal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário