Páginas

Pesquisar este blog


27/09/21

Sabia que os figos não são frutas e que eles tem insetos dentro?

 


Os figos são uma das melhores frutas do mundo... ou pensávamos assim até muito recentemente. E não é porque deixaram de ser boas, mas porque na realidade nunca foi um fruto, mas uma flor.

Como isso é possível? Na verdade, os figos são uma espécie de "flor invertida", dentro da qual há centenas de flores. Cada um deles produz uma fruta dura e crocante... sim, essas pequenas sementes dentro dos figos são cada uma uma frutinha.

Então, quando você come um figo, você não está comendo uma fruta, mas muitas!

No entanto, essa não é a melhor parte do processo dos figos. O mais surpreendente é, sem dúvida, a forma como essas plantas se reproduzem.

Como a flor não está aberta para o exterior, elas não podem depender de vento ou abelhas para fertilizar outros figos e dar frutos. Na verdade, os figos têm tido, durante milênios, um relacionamento super-sério (digamos simbiótica) com uma classe de vespa muito especial, chamada, claro, de vespas de figo.

Há uma espécie diferente de vespa para cada espécie de figueira e elas são uma parte fundamental do processo. Sem vespas não há figos, sem figos, não há vespas.

A primeira coisa que acontece neste processo incrível é que a vespa fêmea entra no figo masculino para colocar seus ovos.

Heim? Já comi vespas???


Antes que você fique horrorizado com os figos, você deve saber que os frutos masculinos não são para consumo humano, então, acalme-se, você nunca comeu ovos ou vespas.

Continuando o processo, quando a vespa entra no figo, ela perde suas asas e suas antenas e não tem outra saída. Então ele deixa seus ovos, poliniza as sementes e morre. O figo o processa e o transforma em proteína para a planta.

Depois de um tempo razoável, nascem as vespas fêmeas e machos. Somente os machos nascem sem asas e estão destinados a nunca deixar o figo, suas únicas tarefas são fecundar as fêmeas e cavar um túnel no figo  para que as vespas possam sair. Então ficam lá e morrem heroicamente.

Estes figos que servem para a polinização da figueira e para a sobrevivência da vespa são conhecidos como "figos de cabra", uma vez que são uma das frutas favoritas desses animais.

Um figo desse tipo não se parece muito com os "frutos" saborosos e doces que costumamos comer. 


O lado bonito da história, isto é, o figo comestível, ocorre em árvores femininas, onde figos machos não se desenvolvem bem e os figos fêmeas não são adequados para vespas.

Então, a fruta continua a se desenvolver, e os pequenos frutos do lado de dentro nunca são polinizadas. Assim, temos uma fruta rica que podemos comer.


Para a produção em larga escala, os agricultores utilizam quase exclusivamente as figueiras partenogenéticas, ou seja, onde as células fêmeas dão frutos e se reproduzem sem a necessidade de polinização.

Então, acalme-se,  é improvável que você coma os restos de uma pai de vespa heroico!


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário