Páginas

Pesquisar este blog


13/10/21

Caminhonete roubada na cidade de Paraguaçu Paulista é localizada pela PM em residência em Presidente Prudente

Pode ser uma imagem de carro e ao ar livre

Foto: Polícia Militar
Veículo foi roubado no dia 9 de outubro. Militares também encontraram porções de crack e um pé de maconha no imóvel, no Jardim Sumaré.
Por g1 Presidente Prudente
A Polícia Militar apreendeu nesta segunda-feira (11) uma caminhonete roubada no Jardim Sumaré, em Presidente Prudente (SP). O roubo do veículo ocorreu no último sábado (9), em Paraguaçu Paulista (SP).
Uma equipe de militares foi acionada para o atendimento de ocorrência de vários indivíduos em atitude suspeita e de um veículo sem placas na garagem de uma residência.
No local, os militares constataram a caminhonete, sem placas, na garagem do imóvel e quatro pessoas que foram abordadas.
Outras equipes policiais foram acionadas para a realização de busca domiciliar, com o objetivo de encontrar a chave do veículo.
Após consulta do chassi da caminhonete via Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), os policiais constataram que o veículo era produto de roubo na cidade de Paraguaçu Paulista, no último sábado.
Questionados, o proprietário da residência e as outras pessoas que lá estavam não souberam informar mais dados sobre o veículo.
Como o local era conhecido por diversas denúncias de tráfico de drogas, os militares realizaram buscas com o apoio do Canil do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) e localizaram várias pedras de crack dentro de um colchão do quarto. Também foi encontrado um pé de maconha no quintal.
Os militares fizeram contato com a vítima, que compareceu ao local com a chave reserva do veículo, segundo a PM.
As pessoas que estavam no local receberam voz de prisão pelos crimes de receptação e tráfico de drogas. Elas foram encaminhadas para a Delegacia Participativa da Polícia Civil, onde o delegado de plantão ratificou a prisão do proprietário da casa e qualificou os demais envolvidos para investigações posteriores, ainda conforme a PM.
Veículo no quintal
Conforme as informações contidas no Boletim de Ocorrência, uma mulher que estava no local informou aos policiais que eles estiveram em uma boate durante a madrugada e depois foram para a residência, sendo que em dado momento houve uma briga e ela e seu esposo ficaram feridos.
O suspeito, dono do imóvel, alegou em depoimento que nunca foi preso, trabalha como motoboy e usa maconha e crack.
Segundo o suspeito, ele, sua esposa e uma amiga foram para uma boate na noite deste domingo (10) e lá encontraram um amigo. Por volta das 4h, o suspeito, sua esposa e a amiga voltaram para casa, mas antes de irem embora houve uma briga no bar, sendo que ele entrou para separar e acabou sofrendo lesões assim como sua esposa.
O homem alegou que chegou em casa bêbado, foi dormir e não viu nenhuma caminhonete no quintal. O suspeito disse que quando acordou a polícia já estava em sua casa.
Segundo o suspeito, sua residência não tem portão e a porta não tem fechadura. Ele negou a propriedade da droga, do pé de maconha e não soube dizer quem deixou a caminhonete no local. Segundo o boletim, o homem também negou qualquer participação no roubo do veículo.
A Polícia Civil solicitou à Justiça a prisão preventiva do suspeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário