Páginas

Pesquisar este blog


11/10/21

Trio é preso em Presidente Prudente com maconha 'gourmet' e comprimidos de ecstasy que renderiam quase R$ 10 mil em vendas


Foto: Polícia Civil

Polícia Civil chegou até os suspeitos após investigação que teve início com uma denúncia anônima. Entorpecente proveniente da cannabis é comercializado com valor superior ao da maconha prensada, que é costumeiramente vendida por traficantes.
Por g1 Presidente Prudente
A Polícia Civil apreendeu nesta sexta-feira (😎 comprimidos de ecstasy e porções de maconha conhecida como “gourmert”, em Presidente Prudente (SP). Três homens foram presos.
Após recebimento de denúncia anônima, que indicava que um veículo ocupado por três pessoas fazia a entrega de entorpecentes pelas proximidades de um bairro universitário, policiais da 2ª Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) foram designados para iniciarem os trabalhos investigativos.
Os policiais iniciaram diligências nesta sexta-feira e avistaram o veículo passando pelo local indicado. No momento da abordagem três homens estavam no veículo, um deles com seu filho menor de idade. A criança foi entregue para a mãe.
Segundo a polícia, cada indivíduo levava embalagens e vários comprimidos de ecstasy. Um passageiro tentou dispensar um tablete de maconha, mas a droga caiu a cerca de um metro do veículo.
Os suspeitos receberam voz de prisão.
Questionados pelos policiais, dois dos homens afirmaram que possuíam drogas em suas residências. Nos imóveis foram encontrados mais entorpecentes e uma balança de precisão.
As drogas foram apreendidas e os homens conduzidos para a delegacia.
A Polícia Civil informou que a venda da droga sintética em festas eletrônicas resultaria em um valor aproximado de R$ 9,5 mil.
Parte da maconha estava em sua forma também conhecida como “buds” ou a “flor da maconha”, que é a parte da planta de cannabis utilizada para fumar. Também são conhecidas como “camarões”, conforme a polícia.
Bud em inglês significa botão, e o “bud” é justamente o “botão” das plantas de cannabis. Segundo a polícia, por muitos usuários é conhecida como maconha "gourmet", com valor superior ao da maconha prensada que é costumeiramente vendida por traficantes.
Os homens permaneceram presos à disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário