Páginas

Pesquisar este blog


16/10/21

Ariane Sorriso encara sua 3ª luta neste sábado no UFC

Pode ser uma imagem de 1 pessoa e área interna

Foto: Cedida
Duelo da prudentina com a paulista Istela Nunes marca a abertura do UFC Vegas 40, no UFC Apex, e pode ser conferido no Canal Combate
Esportes - OSLAINE SILVA: de O Imparcial de Presidente Prudente
Preparem a pipoca, as almofadas no sofá e deixe o Canal Combate programado para neste sábado, acompanhar mais uma luta da Smile prudentina. Isso aí, Ariane “Sorriso” Carnelossi volta ao UFC (Ultimate Fighting Championship) para desta vez, em seu terceiro combate pelo evento, enfrentar a lutadora paulista, Istela Nunes. Se sábado com UFC é o melhor dos programas para os amantes das artes marciais, para os prudentinos então, este é “o sábado”! O duelo marca a abertura do UFC Vegas 40, no UFC Apex.
Sorriso chegou a Las Vegas na segunda-feira com seu pessoal: seu treinador Hugo Gonçalves, da Inside Hugo Gonçalves - Centro de Treinamento de Lutas; Marcio Mendes, treinador de jiu-jitsu dela; o mestre Munil Adriano; e seu empresário Thiago Kamura.
De acordo com Hugo, a preparação dela foi ótima, onde fizeram 80% do kemp em Prudente e 20% em Bragança Paulista, onde fica a matriz da Inside. Já sobre a semana que antecede a luta, ele diz que é tranquila. Mais de manutenção, foco no corte de peso, ajustes, recuperar o corpo e a mente.
“Nos treinamentos dela a gente levou parte da nossa equipe profissional da matriz [Bragança] para treinar em Prudente e boa parte a gente foi pra lá. A parte pesada foi feita antes de virmos pra cá. Em relação à recuperação da cirurgia dela, isso é coisa de alto rendimento, atleta tem que conviver com isso. Não limitou em nada. No início a gente estava até um pouco receosos, mas ela respondeu super bem nos treinos”, destaca Hugo.
"Sorriso é mais completa"
Em relação à adversária, Hugo diz que nunca lutaram com Istela Nunes, e o que aconteceu foi dela visitar a matriz umas duas vezes e eles cruzarem com ela em treinos, mas nada em específico. Ele comenta que é uma atleta que tem um muay thai muito bom, mas Sorriso é uma atleta com muito mais bagagem. Muito mais completa, faixa preta de jiu-jitsu.
“Acredito que ela vai buscar a luta em pé e evitar o chão de qualquer maneira. A Sorriso é uma lutadora em pé, ela não depende só da trocação dela, nem só do jiu-jitsu, ela tem um jogo de MMA muito mais amplo pra trabalhar. A Istela depende do seu jogo de muay thai”, pontua.
Mais ambientados
Quem acompanha a trajetória de Sorriso no UFC sabe que esta é sua terceira luta. Na primeira, como inclusive publicado neste jornal, a decisão foi polêmica. Quem estava assistindo e torcendo pela estreia da prudentina na Mexico City Arena na Cidade do México, lamentou a interrupção precipitada da médica que evitou uma possível vitória da brasileira contra Angela Hill. A norte-americana foi declarada vencedora por nocaute técnico após, no início do 3º round, acertar uma cotovelada que abriu um corte com forte sangramento um pouco acima do supercílio de Sorriso (resultando em quatro pontos).
Os próprios managers do UFC consideraram uma possível falha da médica – contratada de forma terceirizada pela FAMMEJL (Federacion de Artes Marciales Mixtas) do México.
“Na segunda, ela estava com uma lesão grave, mas saiu vencedora [contra Na Liang]. E agora estamos tranquilos, chegando 100%, sem lesão, sem preocupação. Vai ser a primeira vez que a gente luta sem público, mas já estamos mais ambientados e a nossa adversária não. Então, se Deus quiser é usar isso contra ela”, coloca Hugo.
O UFC Vegas 40, liderado pelo duelo entre Aspen Ladd e Norma Dumont, terá transmissão ao vivo e exclusiva do Combate neste sábado a partir das 17h (horário de Brasília).

Nenhum comentário:

Postar um comentário