Páginas

Pesquisar este blog


22/10/21

 SAÚDE DA MULHER

Dermatologista alerta sobre tendência de usar lubrificante íntimo para fixar a maquiagem

Crédito: Freepik
Preparar a pele antes da maquiagem é essencial para melhorar a qualidade da produção. Após a higienização e hidratação, o primer é uma das etapas mais importantes do processo, pois garante durabilidade. Agora, não usar esse produto parece não ser mais um problema, porque a nova aposta é o lubrificante íntimo.

Recentemente, os maquiadores e criadores de conteúdo Luke Ketuhok e Sean Anthony compartilharam no TikTok suas experiências com a nova técnica, trocando o primer pelo lubrificante íntimo para preparação da pele.

De acordo com os influenciadores, o produto íntimo deixa a pele pegajosa, facilitando a aplicação e fixação da maquiagem. Nos comentários das publicações, alguns seguidores também disseram ter testado e aprovado.

É seguro?

Apesar de parecer uma boa alternativa, é preciso tomar cuidado, afinal, não é um produto com finalidade facial. Em entrevista à “Teen Vogue”, a dermatologista Stacy Chimento alertou sobre a aplicação.

“Em perspectiva dermatológica, existem muitas preocupações. O lubrificante íntimo é de natureza espessa, logo, pode levar ao entupimento dos poros, o que não seria ideal para pacientes com tendência a acne. Além disso, algumas marcas usam na composição o óleo de rícino, e na pele isso pode ser um atrativo para bactérias e sujeira. Em pacientes muito sensíveis que apresentam doenças como dermatite atópica ou pessoas com tendência a alergias de contato, pode não ser o melhor produto para usar”, explicou a especialista.

Portanto, o melhor a se fazer é continuar com a técnica tradicional: o primer, e manter o lubrificante para o uso durante os momentos íntimos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário