Páginas

Pesquisar este blog


13/11/21

Austrália criou "campos de concentração" para não-vacinados?

Vídeo circula na internet mostrando instalações cercadas que seriam locais destinados à população que não está imunizada no país


Do R7


Austrália está criando campos de concentração para separar pessoas imunizadas das que não se vacinaram?

GETTY IMAGES

Em grupos virtuais de mensagens, uma postagem afirma que o governo australiano está construindo alojamentos para colocar as pessoas que ainda não estão vacinadas. A publicação acompanha vídeo e legenda. Até o momento dessa checagem o vídeo já havia recebido mais de 49 mil visualizações.

Na gravação, uma mulher (não identificada) mostra duas cercas que separam os indivíduos que estarão dentro e fora do local. O vídeo é curto e revela apenas o que seria uma área de lazer dentro do complexo. A legenda está em inglês e diz que a situação é "absolutamente terrível". Outra parte do texto da postagem diz que as instalações estão sendo construídas em Queensland, estado australiano. No início da gravação, a mulher fala que está perto do aeroporto.

Trata-se de um projeto do governo estadual da região, que pretende usar os alojamentos para abrigar viajantes, vacinados ou não. No país, que desde o começo da pandemia adota medidas rígidas de controle sanitário, as fronteiras continuam fechadas para turismo estrangeiro. Recentemente, o governo local anunciou que vai remover a proibição de viagens internacionais para cidadãos australianos e pessoas com residência permanente no país.

As acomodações ainda não estão finalizadas ou em funcionamento. Porém, a ideia é que até o final do ano sejam disponibilizados 500 lugares e ainda no início do ano que vem, mais 500 vagas nos alojamentos. O Centro Regional de Acomodação de Queensland, como é chamado pelo governo, está próximo do aeroporto de Toowoomba Wellcamp, a 16km do centro da cidade de mesmo nome. 

De acordo com o site oficial do governo de Queensland, o centro de alojamento é importante para a reconstrução da economia do estado, já que o propósito é abrigar os moradores que ainda não conseguiram retornar ao estado por conta dos protocolos de saúde. Além de viajantes que retornam, o informe no site garante que "estudantes internacionais e trabalhadores agrícolas serão os primeiros grupos da indústria a utilizar o Centro Regional de Acomodação de Queensland para fins de quarentena". 

Além disso, a nota afirma que "indivíduos que não atendem aos requisitos de quarentena doméstica, aqueles que não foram vacinados e aqueles que chegam de regiões de maior risco" também farão uso dos alojamentos quando chegarem ao estado.

Em coletiva de imprensa, a primeira-ministra de Queensland, Annastacia Palaszczuk, afirmou que as instalações seriam usadas para pessoas não vacinadas que entrassem no estado e que ainda estivessem sujeitas a requisitos de quarentena. "Ainda há viajantes que podem não ter sido vacinados que chegam e precisam fazer a quarentena completa" disse Palaszczuk.

A entrevista da ministra aconteceu após a divulgação dos planos de Queensland para liberar a entrada de viajantes que chegam de lugares considerados "de risco", em relação a Covid, sem que estes precisem cumprir a quarentena.

A medida só pode entrar em vigor uma vez que 80% da população de Queensland esteja completamente vacinada. Ainda no mesmo protocolo, aqueles que não atenderam aos critérios - como os não vacinados - ainda seriam submetidos à quarentena "em uma instalação indicada pelo governo".

A quarentena obrigatória de duas semanas foi introduzida para todos os viajantes que entram na Austrália em 28 de março de 2020, embora a exigência tenha terminado para os totalmente vacinados que entram em Nova Gales do Sul, vindos do exterior a partir de 1º de novembro. 

Portanto, é enganoso que a Austrália está construindo "campos de concentração" para abrigar os não vacinados. Os alojamentos estão sendo desenvolvidos para que viajantes, vacinados ou não, possam retornar ao país e fazer a quarentena de forma segura, tanto para eles quanto para os outros moradores de Queensland. As instalações são destinadas, exclusivamente, para viajantes que  precisam cumprir esse protocolo sanitário. 

Ficou em dúvida sobre uma mensagem de aplicativo ou postagem em rede social? Encaminhe para o MonitoR7, que nós checamos para você (11) 9 9240-7777


Nenhum comentário:

Postar um comentário